Carteiro faz sucesso nas redes sociais ao tirar selfies com seus amigos pets

Em Guaratinguetá, no interior de São Paulo, dificilmente se vê aquela clássica cena de cães latindo ferozmente para um carteiro. Os cães de lá firmaram uma amizade leal com o carteiro Angelo Cristiano da Silva, de 32 anos.

"Chego com carinho no cachorro, brinco, converso e chamo de 'amigão'. Dou a palma da mão, de longe, para ele cheirar. Depois, ele pega a confiança e permite que eu faça carinho. É um contato que o cachorro precisa para sentir confiança. Em uma ou duas semanas, ele vira meu amigo e está confiando em mim", conta Angelo, por telefone, à BBC News Brasil.

Em meio uma dura rotina, com longas caminhadas, muitas vezes abaixo do sol quente ou chuva, encontrar os animais de estimação todos faceiros à espera do Angelo é uma motivação a mais para continuar a rotina de trabalho. Os animais o deixam feliz. Toda essa alegria é estampada através de fotos tiradas pelo próprio carteiro, que após são publicadas nas redes sociais dele.

Comentários

Mais em Notícias