Homem reforma quintal para dar ao cão adotado da namorada um lugar para brincar

Por
em Notícias

A atitude de empatia do homem foi de grande valia e beneficiou o cachorro de 90 kg que precisava de espaço.

Histórias como essas, nos fazem acreditar que o amor é demonstrado definitivamente nas atitudes e não em palavras. Às vezes, algumas colocações são carregadas de orgulho, mas enquanto houver bondade no ser humano, ele será capaz de fazer boas ações para ajudar o outro, ainda mais quando se trata de um animal.

Bem, foi isso que o namorado de KaTarra Taylor fez pelo seu cachorro, mesmo admitindo que não gostava dele. A mulher que vive no Colorado adotou um cão que foi devolvido de quatro lares pelos quais havia passado, e o motivo teria sido por ele ser ‘destrutivo, agressivo e não confiável’.

O cão de porte grande e que pesa cerca de 90 kg, precisava além de amor e compreensão, espaço para se sentir à vontade. Por isso, KaTarra se mudou do apartamento de apenas um quarto, para uma casa no centro da cidade, mas acontece que o local não tinha nenhuma área verde, apenas concreto.

Pensando no bem-estar de Bentley, o namorado de KaTarra resolveu intervir e fez uma reforma no espaço trocando o concreto por grama.

“O tempo todo que ele esteve comigo, ele nunca teve seu próprio quintal, apenas o parque e a grama em nossas caminhadas. Bem, neste fim de semana, meu incrível namorado trabalhou duro para construir o quintal de Bentley. Pelo cachorro que ele odeia... Temos muita sorte”, disse KaTarra.

Bem, uma das preocupações, que seria o ambiente, já foi resolvida, e segundo KaTarra, o comportamento de Bentlay também tem melhorado consideravelmente.

“Trabalhei incansavelmente para treiná-lo, tratar sua ansiedade, e suas alergias graves e interromper sua agressão.”

Parece que está tudo caminhando da melhor maneira possível, não é? Com tanto investimento assim, tenho certeza que Bentley retribuirá mostrando a sua gratidão por esses donos tão dedicados!

Veja também este vídeo:

Cão causa PROBLEMÃO ao ficar sozinho em casa e mais notícias no Jornalzinho Amo Meu Pet

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com