Logomarca Amo meu PET

Em vídeo adorável, cachorro ciumento recusa ganhar beijos da namorada de seu tutor

Ronan só aceitou ser beijado pelo dono.

Por
em Comportamento

Durante uma tarde de janeiro, um casal de Calgary, no Canadá, estava assistindo uma partida de futebol em casa quando Ronan, um cão da raça boiadeiro de berna, se juntou no meio deles no sofá aproveitando a companhia do tutor, Stephen, e de sua namorada.

Mas uma pequena ‘invasão’ de território por parte dela deixou o cachorro desconfortável.

Enquanto estava no sofá entre o tutor e a namorada, Ronan foi atacado com tentativas de beijos, pela moça. O pet evitava e recusava que ela alcançasse as suas bochechas.

Indignada com a recusa do cão, ela filmou o cachorro aceitando e aproveitando o carinho e beijos do tutor.

“Ronan é o cachorro mais doce de todos os tempos, e assim que comecei a namorar Stephen, eu me apaixonei por esse cachorro, assistindo futebol no sofá. Eu queria um beijo e achei a reação dele muito engraçada para não filmar”, contou a autora do vídeo ao Viralhog.

 

A raça boiadeiro de berna, também chamado de boiadeiro bernês, ou bernesse, surgiu na cidade de Berna, na Suíça, por isso o nome. Os cães dessa raça possuem uma pelagem muito macia e, apesar do tamanho, são bastante calmos e tranquilos, A raça foi criada para pastorear e guardar as propriedades de seus donos e muitas das características desse cachorro se mantêm até os dias de hoje. 

Quando adulto a altura varia de 58 a 70 cm, pesando de 39 a 48kg. Os cachorros dessa raça são tricolores: preto nas costas, marrom nas patas e podem ter a barriga branca, além de uma máscara branca bem característica entre a testa e o nariz. 

Só por essas características percebemos o porquê a namorada de Stephen se apaixonou pelo cão, apesar de Ronan recusar seus beijos. 

O vídeo publicado no Youtube pelo canal Viralhog contém mais de 44 mil visualizações, 1,7 mil curtidas e 52 comentários.

“Sabemos quem o cachorro ama mais”, comentou um internauta.
“O cachorro é dele, faz sentido que o cão o ame mais”, afirmou um segundo.
“Eu nunca vi um cachorro fazer isso, isso é hilário”, disse um terceiro.

Recusar os beijos não significa que o carinho não seja recíproco, mas é compreensível o cão ser mais receptivo ao tutor. 

Confira o vídeo:

Assista também o nosso Jornalzinho Amo Meu Pet:

O caso do cachorro que faz yoga e mais notícias de bichinhos

Estudante de jornalismo na Universidade de Passo Fundo (UPF). Gosta de livros, animais e é vegetariana.