Tutor usa corrente reforçada para conseguir levar cão 'feroz' passear: um pinscher

Por
em Humor

O internauta Alessandro Correa compartilhou em sua rede social na última segunda-feira, 15, como faz para manter o seu cão brabo sob controle para não atacar pessoas e/ou animais durante os passeios.

Ele o mantém na coleira. Até aí tudo bem, mas o que levou muitos internautas às risadas foi o tamanho da corrente em relação ao pet. Ele é um pinscher!

No vídeo, Alessandro afirmou que 'cachorro brabo tem que ser seguro em corrente'. E que o seu cão feroz - que ironicamente se chama Bilú - já 'matou' um pit bull e um pastor alemão - tudo em tom de brincadeira.

Claro que o homem se referiu pelo fato do mascote ter assustado os grandalhões com seus latidos, fazendo-os correrem. Ah... e mais! Ele conseguiu destruir duas correntes!

Para evitar outra destruição, o homem substituiu a guia comum por uma corrente. E não é qualquer corrente. É tipo aquelas que se põe em porta de oficina para evitar assaltos.

Após colocar a argola, fez várias voltas em sua mão, para evitar que Bilú fuja. "Agora quero ver arrebentar isso aqui de novo!", afirmou. Vale lembrar que o vídeo é uma brincadeira.

O homem filmou o cãozinho de cima, então dá para ver nitidamente a corrente grossa, conduzindo o corpo esguio do cachorrinho. A publicação viralizou e recebeu mais de 431 mil reações e milhares de comentários perguntando engraçadamente o nome do pet (pois o autor do vídeo não havia colocado na descrição).

Cleyton perguntou: "qual é nome da entidade?". Já Andy: "qual é o nome do dinossauro?". Felps escreveu: "qual o nome do ser superior?". Já outro usuário: "qual é o nome do destruidor de mundos?". Esse já quis saber: "qual o nome do leão?". E todas as respostas foram dadas pelo próprio autor da publicação..

Bom, mas a raça pinscher merece toda essa fama de brabo, mesmo? Sim! Esse cão segue a risca o ditado 'tamanho não é documento'. Dono de uma energia inesgotável e de um latido estridente, o cão demonstra toda a sua brabeza quando tem algo errado ao seu redor. Tornando-se um ótimo guardião.

O pinscher é ousado, corajoso, curioso e muito apegado ao dono. Ele não se intimida por nada. E sempre está atento a tudo que acontece ao seu redor, pronto para avisar o dono com seu latido, ou colocar para correr o invasor.

Bom, agora conheça o guardião de Alessando:

É ou não é um cão de guarda? Os outros que atravessem a rua quando Bilu estiver passando na calçada.

Assista também:

O cachorro que VIROU BABÁ de gatinhos e mais notícias no Jornalzinho Amo Meu Pet