Empresários instalam comedouros e bebedouros para animais em São Leopoldo (RS)

Empresários de diversos nichos da cidade de São Leopoldo (RS) começaram a instalar bebedouros e comedouros para animais em frente a estabelecimentos comerciais.

Os empresários Mateus Rizzi, 35, e Fábio Rodrigues, 36, foram os primeiros a colocarem os recipientes na fachada do prédio onde fica a academia que administram.

Os sócios conheceram pela internet uma iniciativa já desenvolvida por uma organização canadense e resolveram construir uma igual. Eles compraram os canos, vedaram e fixaram na parede da academia localizada na Rua Osvaldo Aranha, no Centro de São Leopoldo.

Um cano receber a ração, outro a água. Além da durabilidade e do baixo custo, o material é de fácil montagem e manutenção.

O cano tem uma tampa em cima, que fica fechada, mantendo os recipientes protegidos, mas que podem ser abertos para reposição da comida e da água. Mateus e Fábio gastaram cerca de R$ 130 para instalar o comedouro e bebedouro.

“Além de ficarem protegidos da chuva, por estarem fixados, se evita atos de vandalismo. Antes colocávamos em potes mas, desta forma, se evita que os próprios animais carreguem para outro lugar”, explicam.

Após concluírem a instalação, há pouco mais de um ano, os empresários procuraram ONGs e amigos pedindo apoio para disseminação da ideia.

Mateus e Fábio disponibilizam cerca de 10 quilos de ração por semana. A ajuda também vem de alunos e de outras pessoas da comunidade. Os produtos são trocados diariamente, por isso, estão sempre novinhos. A boa ideia surtiu efeito.

“O pessoal da loja "namorava" esta ideia há algum tempo, também tínhamos visto na internet e resolvemos colocar. Muitos veem e se interessam pela ideia, é bom porque motiva as pessoas a fazerem também” disse Fábio, que contabiliza cerca de dois quilos de ração distribuídos por dia.

Fonte: Gaúcha ZH

Compartilhe o post com seus amigos!

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários