Cachorro ganha versão pelúcia dele mesmo enquanto se recupera de cirurgia

Todos nós já tivemos em algum momento da infância um ursinho de pelúcia que trazia conforto e tranquilidade com um abraço.

Com o cãozinho Barley, não seria diferente. Após ser submetido a uma cirurgia, ele a Fluffy, seu brinquedo de estimação, para melhor suportar a recuperação.

Interessante notar que Fluffy não só é um cachorrinho de pelúcia, mas uma réplica ‘exata’ do seu dono fofinho.

Barley, um Golden Retriever, e Fluffy, seu sósia felpudo, são inseparáveis, segundo seus donos, que moram em Amsterdã, capital holandesa.

O cãozinho costuma dormir abraçado todos os dias com seu ursinho, e para onde ele vai, carrega seu brinquedo preferido.

Barley foi castrado na semana passada e precisou vestir o cone de proteção para sua melhor recuperação, e seu desânimo após a cirurgia era radicalmente contrastante com sua alegria costumeira.

Buscando animá-lo, seus pais humanos tiveram uma grande ideia...

Eles também colocaram um cone em Fluffy. “Ele parecia tão triste e nos sentimos tão mal por ele que colocamos um ‘cone da vergonha’ em Fluffy também. Isso definitivamente melhorou o humor de Barley”, disseram seus tutores humanos. “Foi a coisa mais doce ver Barley cuidando de Fluffy. Ambos se recuperaram e estão indo bem”, afirmaram.

Uma coisa é certa… Nas horas boas ou nas horas ruins; na caminhada em um dia de sol ou na cama curtindo o som da chuva do lado de fora... nossos dogs sempre estarão ao nosso lado.

Fonte: Hypeness

Compartilhe o post com seus amigos!

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários