Moradores de Cabo Frio criam ‘cãodomínio’ para abrigar cachorros de rua

A vizinhança do bairro Caminho de Búzios, em Cabo Frio (RJ), se juntou em um mutirão para construir um ‘cãodomínio’ em um terreno da comunidade, com o objetivo de oferecer abrigo aos vários cachorros em situação de rua que vivem no entorno.

Cinco cães vivem no cãodomínio até o momento. Além da moradia, eles recebem ração e água da vizinhança todos os dias, e vivem confortavelmente após uma vida procurando restos de comida e abrigo para se protegerem do sol e da chuva.

A comunidade de Caminho de Búzios afirma que outros cachorros que passam pelo bairro também podem se abrigar nas casinhas, uma vez que há muitas disponíveis.

“Tem alguns [cães] que vêm, comem e vão embora. Outros dormem e, no dia seguinte, já não estão mais aqui”, contou a aposentada Nil Laino, uma das criadoras do “cãodomínio”.

A moradora conta que seus vinhos já costumavam dar carinho e comida à Belinha, Lili, Pingo, Pirata e Neguinho, os primeiros moradores do lugar.

Uma vez ao mês, eles juntavam uma quantia em dinheiro para levá-los ao veterinário, além de comprar medicamentos, quando necessário. No entanto, os moradores se sentiram sensibilizados com a condição dos animais, que não tinham um abrigo fixo. Daí veio a ideia da moradia coletiva.

Nil desenvolveu então um rascunho arquitetônico do projeto e um pedreiro do bairro se voluntariou para construir o “cãodomínio”, sem cobrar nada. Foram duas semanas de trabalho. A obra ficou pronta no final de agosto.

Publicada nas redes sociais, a iniciativa foi um sucesso, arrancando elogios de milhares de internautas. Em um post do Facebook, a apresentação do ‘cãodomínio’ teve mais de 18 mil reações, 10 mil comentários e 80 mil compartilhamentos.

Fonte: >Cláudia

Compartilhe o post com seus amigos!

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários