Padre pernambucano resgata cães de rua e os leva para missa, onde são adotados

Toda vez que encontra um cachorro em situação de rua em sua caminhada diária até a Paróquia de Santana, em Gravatá (PE), o padre João Paulo o resgata e o leva até a igreja, onde oferece o animal para adoção.

Quando isso não acontece, o pároco o aloja em sua própria casa, deixando-o longe dos perigos das ruas. João é chefe da Paróquia de Santana - enquanto celebra a missa, ele deixa os cães vagando pela igreja, chamando a atenção dos fiéis. Frequentemente um pet é adotado e levado para casa.

Desde que começou a fazer isso, João Paulo salvou dezenas de cachorros de rua. Entre uma missa e outra, ele leva os animais para o lugar sagrado, aproveitando o grande número de fiéis, e os dispõe para que sejam adotados.

Quando não há adotantes, o padre também pede para que a comunidade se engaje e convide outras pessoas potencialmente interessadas em prover aos animais um lar. Graças às suas ações, o número de cachorros abandonados nas ruas de Gravatá, que tem 228 mil habitantes, reduziu substancialmente.

Na imagem abaixo, o padre João celebrando a missa com um cachorro:

O gesto altruísta e de solidariedade cristã repercutiu nas redes sociais e gerou uma onda de comentários positivos, com milhares de internautas exaltando a ação social do padre.

Fonte: Olha que Vídeo

Compartilhe o post com seus amigos!

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários