Mulher passa noite em abrigo para acalmar cães com medo de trovões

Os trovões, raios e tempestades não são exatamente os melhores amigos dos cães, que manifestam medo e apreensão com o barulho e molhança que esses fenômenos naturais prenunciam.

Ciente disso e ao perceber que uma nevasca se aproximava, a ativista Shanda Antle, que é voluntária em um abrigo de cães em Dartmouth (Canadá), decidiu ficar no abrigo durante a noite para confortar e acalmar os cães apreensivos.

Ela e os outros funcionários costumam se voluntariar para ficar durante os temporais. Dessa forma, se o transporte se tornar inacessível no dia seguinte, os cães ainda terão alguém em quem confiar para suas necessidades básicas.

A noite do pijama foi muito tranquila e ela passou boa parte do seu tempo com Hawking, um inteligente cãozinho resgatado de uma situação de abandono. Eles viram um filme no computador e depois foram dormir.

Na foto postada no Facebook, podemos ver Shanda e Hawking em uma cama de ar. Os dois parecem estar dormindo, mesmo quando a neve bombardeia a fria província da Nova Escócia, no Canadá.

Os voluntários esperam que Hawking e todos os cães no abrigo encontrem lares amorosos, acolhedores e confortáveis​. Enquanto isso, eles não se importam em dar outra festa do pijama se uma tempestade de neve atingir a cidade novamente!

Compartilhe o post com seus amigos!

Fonte: I Love Dogs and Puppies

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários