Cachorrinhas Pit Bulls salvam vida de proprietário durante tentativa de assalto por 4 bandidos

Conheça Ellabelle e Ladybug - duas adoráveis pit bulls que já sofreram muito na vida. No início de suas vidas, as duas caninas foram maltratadas e abandonadas. Isto é, até o dia que elas foram adotadas dos abrigos por seu novo proprietário, Robert McGowan. Ele podia ver a doçura nelas.

"Elas são muito dóceis e tímidas", disse McGowan ao site The Dodo. "Elas não são agressivas."

Todos os dias, os cães retribuem o favor com sua amizade. Mas recentemente, quando McGowan mais precisou, elas fizeram muito mais do que isso.

Durante a noite da outra semana, McGowan estava sentado em sua garagem ao lado de seu carro com a porta da garagem aberta quando algo alarmante aconteceu. Sem aviso, quatro estranhos entraram correndo e começaram a atacá-lo.

"Um deles me deu um soco direto nos olhos", disse McGowan. "Fui derrubado da minha cadeira."

Os agressores exigiram que McGowan entregasse as chaves do veículo. Ferido e atordoado, ele respondeu que as chaves estavam dentro de casa.

Quando um dos agressores abriu a porta da casa, Ellabelle e Ladybug estavam lá para encontrá-los.

"Elas os expulsaram", disse McGowan. "Minhas meninas correram para a garagem e ficaram em cima de mim. Elas ficaram lá latindo, deixando claro que ninguém mais me machucaria. As quatro pessoas foram embora."

Ellabelle e Ladybug haviam salvado o dia.

McGowan ficou com um olho roxo após o ataque, mas graças a suas cachorrinhas, ele não se machucou mais e nada foi roubado. Ellabelle e Ladybug, enquanto isso, foram ricamente recompensadas por seu heroísmo.

"Elas ganharam mais brinquedos e guloseimas", disse McGowan. "Elas fizeram um ótimo trabalho".

McGowan espera que o incidente inspire outras pessoas a abrir suas casas para um cão em necessidade. Afinal, os abrigos estão cheios de outros filhotes que, sem dúvida, fariam o mesmo.

"Cães são protetores. Elas salvaram minha vida", escreveu ele. "Por favor, considere adotar cão abandonado. Eles podem salvar sua vida também."

Fonte: The Dodo

Comentários