É sancionada lei que fiscaliza e multa hotéis de pets que não cumprirem exigências

A lei foi criada em Teresina, Piauí, e entrou em vigor em fevereiro deste ano. Esperamos que sirva como exemplo para o resto do país.

Atualmente, hotéis e creches para pets estão crescendo cada vez mais devido a alta procura por serviços do gênero. No entanto, as exigências também crescem.

Em Teresina, o prefeito Firmino Filho sancionou uma lei que regulamenta esses estabelecimentos, com uma série de exigências que devem ser cumpridas, sob risco de multas que chegam até R$ 8 mil reais.

Segundo o prefeito, o valor arrecadado das multas serão aplicados em ações e programas voltados para a proteção de animais. A lei está em vigor desde fevereiro de 2020 e as atividades serão fiscalizadas pela gerência de zoonoses da Fundação Municipal de Saúde.

Os prestadores de serviço terão que seguir normas como ter segurança adequada para evitar a fuga de animais, boas condições de higiene com limpeza diária, possuir pelo menos um responsável pelos cuidados dos pets durante a estadia, além de água limpa e fresca à vontade, bem como alimentação, entre outros.

O vereador Deolindo Moura, autor da proposta, fala sobre a importância da lei. "Os animais são como pessoas da nossa família, portanto, merecem respeito. Cada vez mais, por diversos motivos, passamos longos períodos fora de casa. É importante que tenhamos essa certeza de que os bichinhos estarão em locais seguros e serão bem cuidados", declarou.

Realmente, é algo que requer muita atenção e fiscalização, afinal, os animais são como filhos. Tomara que a ideia se espalhe por todo o país!

Compartilhe esse post com seus amigos!

Ana Caroline Haubert

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com

Comentários