Homem foge de quarentena se fantasiando de cachorro na Espanha

Até a noite desta quinta-feira (26), a pandemia do novo coronavírus (Covid-19) infectou cerca de 531 mil pessoas, causando mais de 24 mil mortes.

Medidas de contenção e autoisolamento foram decretados por governos de todo o planeta de modo a reduzir a curva de crescimento do vírus.

Infelizmente, algumas pessoas ainda não entenderam a gravidade do problema e estão tentando “driblar” o isolamento de formas, digamos, bem peculiares.

Na Espanha, quarto país mais afetado pela pandemia, um homem de meia-idade teve a ideia de se ‘fantasiar’ de cachorro para sair às ruas sem ser punido.

Um decreto do governo espanhol prevê uma pesada multa em dinheiro ou até uma pena que pode variar entre 3 meses de prisão por desobediência e 4 anos de prisão por atentado à autoridade para aqueles que deixarem suas casas sem uma boa justificativa.

Esse certamente pagará a multa.

Confira a foto:

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários