Motorista encontra e salva cachorro vira-lata que estava preso pelo pescoço em cabo elétrico em estrada

Apesar da cena chocante que o animal foi encontrado, ele felizmente foi salvo e resgatado.

Algumas atitudes são simplesmente injustificáveis, como amarrar um cachorro em um cabo elétrico o deixando pendurado sem conseguir respirar, com as patas quase suspensas ao chão. A crueldade é capaz de chocar qualquer pessoa que vê uma cena dessas.

O caso aconteceu em Kansas, nos Estados Unidos, e felizmente, um homem chamado David Fredman que estava passando pelo local viu o cachorro lutando para respirar e resolveu agir.

"Vi o que parecia ser um cachorro que estava pendurado ao lado de algum tipo de caixa de energia. A corda definitivamente estava estrangulando-o. Seus pés estavam tocando o chão, mas mal tocavam o chão. Ele estava tentando sacudir a cabeça para a esquerda e para a direita, mas mal conseguia movê-la", disse David à Fox 4 KC.

Foto: Fox4Kc
Foto: Fox4Kc

Fredman parou o carro e correu socorrer o animal, que provavelmente não teria muito mais tempo de vida se continuasse naquela situação.

O homem conta que depois de soltá-lo, ele tinha muita dificuldade para respirar e não conseguia andar, então ele o levou até o centro de resgate mais próximo, o KC Pet Project, onde o canino foi examinado. Os funcionários localizaram no cão um microchip de identificação e contataram os seus donos que alegaram que ele havia fugido há dois dias e estavam a sua procura.

Na foto abaixo, Vaughn (à esquerda) disse que estava procurando por Max desde segunda de manhã, agradeceu a Fredman por salvar a vida de seu cachorro.

Foto: Fox4Kc
Foto: Fox4Kc

Ela disse que eles não tinham ideia de quem poderia ter feito uma coisa tão horrível com um cachorro tão doce. Realmente, quem teria coragem de fazer uma crueldade dessas? Ainda bem que ele foi salvo e voltou para a sua casa!

Foto: Fox4Kc
Foto: Fox4Kc

Ana Caroline Haubert

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com

Comentários