Resposta àqueles que dizem "não adoto pets pois não tenho espaço" (veja o vídeo)

Você certamente já ouviu alguém falar a seguinte frase: "Adoraria adotar mais um pet, mas não tenho espaço suficiente para ele".

Em resposta a essa frase, um morador de Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul, chamado Paulo Ramborger, gravou um vídeo que está viralizando nas redes sociais e ganhando a admiração de muitos apaixonados por pets, fazendo com que nós tenhamos uma reflexão sobre nossas próprias atitudes em relação a adoção de animais abandonados.

O vídeo foi publicado no Grupo "Adoro Cachorros", no Facebook, e obteve mais de 10.000 compartilhamentos.

Reprodução Facebook
Reprodução Facebook
Publicação feita no grupo Adoro Cachorros que se tornou viral

No vídeo, Paulo mostra seu galpão alugado onde ele mora junto com seus 18 cães, todos adotados da rua.

Ele, juntamente com sua esposa, Silvana Rodrigues Bernardo, casados a 16 anos, trabalham para cuidar dos animais, tratando-os com os medicamentos e vacinas necessários, comida e água a vontade, banhos, caminhas fofinhas e ambiente higienizado. E ainda há, em outra parte do terreno, um lugar para abrigar seus 12 gatos, que Paulo encontrou, abandonados, no terreno. Todos os animais são muito bem cuidados, sem dúvida.

Veja o depoimento de Paulo:

Em outros vídeos enviados com exclusividade para a equipe Amo Meu Pet, Paulo mostra os cãezinhos felizes com o horário do almoço, esperando um carreteiro especial com sal no ponto e carne com pouca gordura. No outro vídeo, aparecem os cães juntos com sua esposa, responsável pelo mérito maior em cuidar dos peludinhos, segundo nos contou Paulo. Veja os vídeos:

Esposa de Paulo, Silvana
Esposa de Paulo, Silvana
Imagem enviada com exclusividade ao Amo Meu Pet
Paulo Ramborger
Paulo Ramborger

Em meio a problemas de saúde e outros financeiros, Paulo nos relatou que ele e sua esposa não abrem mão da companhia de seus fiéis companheiros de quatro patas, que sempre cuidaram com atenção, carinho e com muita alegria.

Que essa história linda inspirem muitas outras pessoas. Compartilhe!

Comentários

Mais em Notícias