Menino arrecada $ 80.000 para comprar coletes à prova de balas para cães da polícia

O garotinho Brady Snakovsky, de 9 anos, sempre sonhou em ser um policial. Brady quer manter sua comunidade segura mais do que qualquer coisa no mundo. Brady também ama cachorros, e ele não pode esperar para ter seu próprio parceiro K9, um cão policial.

Um dia, ele e sua mãe assistiram a um programa sobre polícia na TV e Brady notou que os policiais usavam coletes balísticos, mas seus cães estavam completamente desprotegidos.

O garotinho ficou muito triste com o fato. Depois de fazer uma pesquisa na internet, Brady e sua mãe descobriram que a maioria das unidades com cães K9 eram autofinanciadas. Eles simplesmente não tinham dinheiro para comprar um colete balístico de US $ 1.200 para cada um dos cachorros.

Brady decidiu que queria fazer algo para ajudar esses cães e seus parceiros humanos. Com a ajuda de sua mãe, ele fundou uma campanha para arrecadar dinheiro para comprar os coletes aos cães.

"Eu quero ser policial porque quero manter as pessoas em segurança", disse Brady ao site Fox 8 Cleveland . "Porque é muito importante para esses cães que salvam as vidas das pessoas terem segurança em seu trabalho".

Logo que começaram as divulgações da campanha, ela se tornou rapidamente conhecida.

O menino arrecadou $ 80.000 e conseguiu comprar 79 cães policiais dos Estados Unidos, seu país natal.

Os policiais agradeceram imensamente o menino por sua atitude caridosa e responsável. Agora os cachorrinhos poderão combater crimes em segurança.

A empresa que produz os coletes se comoveu com a nobre ação do menino e resolveu vendê-los por um valor abaixo do habitual.

Uma história linda como essa enche nossos corações de esperança e alegria! Compartilhe essa história com seus amigos!

Fonte: Animal Chanel, traduzido e adaptado por Amo Meu Pet.

Comentários