Jovem usa prancha para resgatar cachorro perdido em mar gelado e vídeo viraliza

Por
em Notícias

Semana passada, o jovem professor de surf, Luciano Meyer, resgatou do mar de Cabo Corrientes, em Mar del Plata, na Argentina, um cão da raça pastor alemão.

Segundo o C5N, o homem estava trabalhando quando um pescador se aproximou para lhe avisar que havia avistado um cão na área rochosa do cais.

Os dois sem demora foram resgatá-lo e ao se aproximarem e chamarem, o cão ficou com medo e pulou no mar. A ação do professor foi tirar a sua roupa, pegar a sua prancha e entrar no mar para salvá-lo, mesmo a água estando gelada.

"Saí correndo, peguei a prancha e remei até ele. Ele também não queria subir na prancha. Lá decido agarrá-lo pelo couro e ele tenta me morder, mas eu o agarrei pelo pescoço e o coloquei na prancha. Acho que o cachorro percebeu que a única maneira de sair de lá era eu e minha prancha”, explicou Meyer.

Quando chegou em terra firme o professor foi aplaudido por todos aqueles que assistiram o resgate, já o cachorrinho, percebendo que estava seguro saiu correndo sem rumo.

No mesmo dia do resgate, por volta das 22h30min o cão foi encontrado no armazém e foi contactado a família para irem buscá-lo, descobriu-se que ele era cão-guia.

“Eles me agradeceram muito, isso foi muito gratificante para mim. Você pode ver que ele era um cachorro muito especial para a família e foi muito bom para eles saberem que ele estava de volta com eles", disse o rapaz.

O vídeo do resgate se tornou viral, e muitos internautas agradeceram a atitude do rapaz. Já outros não perderam a oportunidade de zombar por ele estar de cueca.

“'Ele estava de cueca'. Às vezes eu não os uso e desta vez eu os usava, então é melhor assim", acrescentou Meyer com uma risada.

O homem finalizou a entrevista dizendo que muitas vezes as pessoas acham que conhecem o mar, mas na verdade não. Ter prudência é tudo!

“É a primeira vez que ouço que algo está acontecendo neste cais. Sim, acontece com as pessoas que há muita inconsciência sobre entrar no mar. Eles não fazem ideia do que é o mar e ficam pensando que sabem tudo, e não sabem", concluiu.

Confira o resgate:

Se você for caminhar com o seu cão em regiões que tenham rios, lagos, mares, mantenha-o na coleira, ou certifique-se que ele saiba nadar e coloque um colete salva-vidas de pet.

Veja também este vídeo:

PETS que mereciam um Oscar por serem TÃO DRAMÁTICOS