Gatinho solta tanto pelo que sua dona confecciona ursinhos para ele brincar

“Este gato fofinho” é um popular grupo no Facebook com mais de 200 mil membros, onde os usuários compartilham imagens, vídeos e memes relacionados a gatos.

Uma membra do grupo, Amanda Pirrone, inspirada por fotos de outras usuárias, decidiu resgatar a agulha de feltro da vovó guardada há muito tempo e confeccionou um ursinho de pelúcia especial para seu gatinho. Detalhe: utilizando os próprios pelos dele.

Com um suprimento quase inesgotável de material para trabalhar, Amanda tirou uma bela quantidade de pelos maravilhosamente macios de seu gato e começou a confeccionar.

Trata-se da arte do feltramento, “o processo de separação, entrelaçamento e bloqueio de fibras animais encontradas em itens como fios ou lã”.

“Fiz crochê por anos e recentemente aprendi a tecer fios de fibra de lã. Fuçando pela internet, descobri que poderia utilizar os pelos do meu gato para tecer também. Foi aí que comecei a confeccionar ursinhos pra não parar mais.”

“Não é um processo para iniciantes, pois as fibras felinas são muito curtas. Requer muito cuidado e paciência.”

“Tenho guardado a pele que eu escovo do meu gato, para utilizar futuramente. Usamos outras fibras animais no artesanato, e não somente de bichanos, mas sem dúvidas são os pelos menos complexos para trabalhar. É preciso lavá-los bem e secar para utilizar em outros fins.”

Os resultados dos primeiros ursinhos de Amanda são impressionantes! Nós assumimos que o gatinho também pensa assim, apesar de seu olhar não demonstrar isso.

“O nome do meu gato é Katya. Ela ficou… impressionada,” disse Amanda. “Ela ficou cheirando o ursinho o dia todo, feliz da vida porque ele se parecia com ela.”

“Foi a minha primeira tentativa, então foi mais um divertimento sem compromisso do que qualquer outra coisa. Eu realmente gosto do conceito de criar algo com a pele de um animal de estimação querido, porque você tem algo permanente para lembrar-se deles.”

“Vou experimentar também o pelo dos nossos cães. Minha gata é super macia, mas pensar em um lenço feito com sua pele imediatamente me faz pensar que vai coçar. Eu vi pessoas online misturando o cabelo de gato com outras fibras que são mais fáceis de girar em fios, então essa é uma possibilidade. Eu tenho que fazer isso ao menos uma vez!”

O projeto de Amanda funcionou tão bem que inspirou outros a criarem seus próprios tributos para seus amados animais de estimação.

Olha só que bonitinho!

Fonte: >Bored Panda

Compartilhe o post com seus amigos!

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários