Menino vai à escola e volta com filhote que resgatou das ruas em dia chuvoso

Por
em Aqueça o coração

A semana da carioca Rayana Vellozo, que reside em Nova Iguaçu, começou agitada e principalmente cheia de amor. Isso porque ao mandar o seu filho Raphael de 13 anos para a escola, na última segunda-feira, 29, ele realizou um resgate e voltou para casa com uma cachorrinha.

A mãe, orgulhosa com a atitude do filho, compartilhou o feito em um grupo do Facebook.

Em entrevista ao Amo Meu Pet, Rayana contou estar no quarto amamentando o seu filho mais novo, quando Raphael chegou gritando “mamãe, mamãe”.

Logo que entrou em casa, o menino se dirigiu até o quarto, entreabriu a porta e colocou a cabeça para informá-la o porquê ter chegado mais cedo: no dia tinha reunião dos professores.

Dado o parecer, ele empolgado adentrou o quarto, mas não sozinho e, sim, com a filhote no colo.

Rayana ao ver a cena começou a rir, pois lembrou de sua meninice. Quando criança ela queria pegar todos os cachorros de rua, mas não podia, pois sua mãe não gostava de bicho.

O tempo passou e o amor de infância não esfriou, ela continua “completamente apaixonada por animais”, declarou.

E a sua paixão é ainda maior por cães, por isso decidiram acolher a cachorrinha. A primeira coisa que fizeram foi alimentá-la com comida e água e, depois, banhá-la. A doguinha estava muito suja, além de ter sido resgatada em um dia frio e chuvoso.

“Dei remédio de verme. Na foto [da publicação] dá para ver que ela está com a barriga bem inchada. Ontem à noite ela já começou a evacuar muitos vermes. E hoje na parte da manhã também”, contou ao Amo Meu Pet.

A cachorrinha foi carinhosamente chamada de Tuti Frutti para combinar com o nome das outras irmãs pets, Amora e Framboesa.

Ela não precisará mais contar com a própria sorte, pois foi acolhida em um lar cheio de amor. Agora, ela pode brincar com seus irmãos humanos, além dos 9 irmãos caninos. Todos eles, exceto o Theo, foram resgatados de situação de maus-tratos e vulnerabilidade.

“Não tinha como eu não deixar ele ficar com ela”, afirmou.

Rayana acredita que a filhote foi abandonada e por isso afirma: “ela já foi abandonada, eu não poderia dar as costas para ela”. E no post a carioca declara: “bem-vinda a família”. A publicação alcançou mais de 1.600 reações e dezenas de comentários elogiando a atitude do Raphael e da família.

“Que coisa mais linda. Parabéns por estar criando um ser humaninho lindo desses que se importa com os animais. Sorri sozinha aqui”, comentou uma.
“Aqui vemos um futuro participante deste grupo, fazendo post: 'olha gente, tava indo comprar pão e achei essa pocalia na rua, é menino ou menina?'”, imaginou outra.
“A cara de felicidade dele, porque você deixou ele ficar com ela”, observou uma terceira.

Tuti Frutti foi uma sortuda por ser encontrada por uma criança de coração gigante. Que essa duplinha seja muito feliz!

Veja também este vídeo:

10 histórias APAIXONANTES de idosos e seus pets