Jovem gasta mais de R$ 44 mil em exames de gata - eis que veterinário diz o que ela tem

Por
em Notícias

Ano passado, a jovem estudante de música, Abigail Laker, 23, comprou a sua gatinha Moose. Só que ela não imaginava que a felina lhe daria um baita prejuízo, gastando mais de £7.000 (R$44.501,00) em exames e o diagnóstico ser uma grande surpresa.

A primeira coisa que Abigail, que reside na Inglaterra, fez quando comprou a gatinha foi levá-la a uma clínica veterinária para castrá-la. Durante a avaliação, o médico constatou que a bichana tinha um padrão respiratório incomum e aconselhou uma investigação.

O médico se negou a fazer a castração antes de se certificar sobre a saúde da felina. Abigail, apavorada, logo tratou de marcar os exames para Moose.

O problema, que antes a jovem nem havia percebido, tornou-se motivo de pânico, qualquer respiro estranho da gatinha a deixava apavorada.

"Sempre tive cachorros, e cachorros ofegam, então não achei estranho até que o veterinário me pediu para acompanhar e foi aí que percebi o quanto ela fazia isso", contou Abgail ao Daily Mail.

Foi meses em busca da causa do problema da felina. A gatinha foi revirada do avesso, mas sem sucesso. Quero dizer sucesso teve, pois foi constatado que, na verdade, Moose 'era apenas um pouco estranha.'

Ao receber a notícia, Abigail ficou com o coração aliviado. Já o bolso zerado, pois gastou mais de £7.000 (R$44.501,00) entre exames e consultas para descobrir o que a gatinha tinha.

“Ele disse que eles fizeram todos os testes possíveis e que a respiração de Moose não tem nada a ver com o coração ou os pulmões e provavelmente é apenas comportamental".

“É definitivamente típico dela ser tão dramática para ter que gastar £ 7.000 em exames, mas vale a pena saber que ela está bem".

Abigail contou que os gatos, normalmente, respiram entre 20 e 30 vezes por minuto e, às vezes, Moose respirava 80 vezes por minuto.

"Eu estava tendo que levá-la às pressas para os veterinários quando seria mais de 100 por minuto"

Por fim, ainda bem que não é nada sério. Agora Abigail pode relaxar um pouco.

Veja também este vídeo do nosso canal:

PÉPE BONNER QUASE CHORA NO JORNALZINHO AMO MEU PET - EPISÓDIO 26