'Obras-primas': Mulher tenta desenhar seu cachorro e acaba se tornando viral nas redes sociais

As ilustrações descompromissadas de Jay Cartner acabaram conquistando legiões de fãs nas redes sociais.

A desenhista norte-americana gosta de desenhar seu cão, Stanley, com muito bom humor e simplicidade. O resultado final é hilário!

Jay é uma desenhista profissional, que produz obras há pelo menos 25 anos. No entanto, suas obras mais populares, aquelas com as quais as pessoas realmente se relacionam, são do tipo que você encontraria em um guardanapo ou nas margens de um livro escolar!

“Meu marido e eu temos três galgos de corrida aposentados – Stanley, Stuart e Kitty”, disse Jay ao Bored Panda. “Faço arte desde a minha primeira aula de arte, aos 5 anos. Ninguém nunca se interessou realmente pelas minhas coisas sérias, mas meus rabiscos patetas parecem fazer as pessoas sorrirem! Eu desenho há anos e os galgos são os modelos perfeitos.”

Jay decidiu se divertir rabiscando as poses estranhas de Stanley, e as pessoas literalmente começaram a amar todos os “rabiscos!”

“Stanley foi o meu primeiro galgo. Ele tem 8 anos. Eu o adotei há 6 anos e ele foi tão maravilhoso que quase imediatamente comecei a promover a adoção de galgos de corrida aposentados. Ele é um bobo absoluto! Ele adora biscoitos e odeia qualquer forma de exercício. Ele nasceu para descansar no sofá; de fato, ele pode ser mais uma batata do que um galgo! Ele faz os movimentos mais desajeitados que você possa imaginar e posa enquanto se diverte no quintal e é incrivelmente divertido de desenhar! Ele ama tudo e gosta de ser o centro das atenções em todos os sentidos. ”

Jay continuou explicando que tudo começou quando eles estavam tendo um dia estressante, e então decidiu tirar alguns minutos para esboçar Stanley em poses patetas.

“Consegui rir com a situação e postei esses esboços no Facebook, para que alguém sorrisse também. Seria impossível de imaginar de que eles seriam tão populares!”

“Acho que as pessoas os apreciam porque todos os nossos animais têm personalidades individuais maravilhosas e esses rabiscos ilustram essas personalidades de uma maneira simples e divertida. Quando as pessoas me contratam para desenhar seus cães (e agora gatos, cavalos, porquinhos-da-índia, lagartixas e crianças!), adoro conversar com eles sobre seus animais e o que os torna especiais, e tento deixar suas personalidades brilharem através dos desenhos… ou rabiscos.”

“Eu também acho que nosso mundo atual está cheio de estresse e experiências negativas. Foi-me dito que meus rabiscos fornecem uma breve escapada do peso esmagador da existência. Entendo que meu estilo não é para todos, e tudo bem! A arte é subjetiva! Estou feliz por poder fazer as pessoas sorrirem!”

Jay também tem rabiscado animais de estimação de outras pessoas

Jay começou as páginas do Facebook e Instagram para mostrar seus rabiscos, e neles pode encontrar aquela boa diversão à moda antiga! São lugares onde as pessoas podem simplesmente conversar sobre cães e arte, e não se levarem muito a sério.

“Depois que meu primeiro post de doodle explodiu no Facebook, comecei a receber muitos pedidos”, explica Jay. “As pessoas queriam saber onde poderiam encontrar mais rabiscos. Eu não tinha mais rabiscos, então fiz mais alguns naquela noite. Então isso meio que evoluiu. ”

“Tenho recebido muitos pedidos de trabalho personalizado, imagens digitais de rabiscos, rabiscos personalizados originais e pinturas em tela personalizadas! Também estou trabalhando para poder produzir e vender camisetas e sacolas personalizadas com doodles nas próximas semanas.”

“As pessoas solicitaram que eu começasse a fazer de tudo um pouco, desde um livro até uma cortina de chuveiro, então estou tentando descobrir como disponibilizar essas opções para as pessoas que as desejam. Também tenho ideias para um webcomic! ”

São verdadeiramente obras de arte!

Fonte: Bored Panda

Compartilhe o post com seus amigos!

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários