Cãozinho que sofria com agressões nas ruas finalmente ganha um lar amoroso

O cachorrinho de rua que havia sido espancado em Valença (RJ), felizmente ganhou um final feliz!

A professora Izidra Jesus e sua filha, Clara de Jesus Moraes, adotaram o cachorro e o batizaram de Bob.

"Depois do que ele sofreu, eu vi que ele não teria pra onde ir. O coração falou mais alto e eu adotei o bichinho. Não conseguiria ver ele solto na rua de novo", disse Izidra.

Bob era conhecido na cidade como o ‘Capitão Sujeira’, por estar sempre sujo andando por Valença.

Agora adotado, com uma casa, uma mãe e uma irmã adotiva para cuidar dele, o cãozinho finalmente deixa o passado sombrio das ruas para trás.

Izidra afirma que a chegada do cãozinho ‘mudou sua rotina para sempre’. Ela já montou uma caminha especial para Bob dormir e começou a se acostumar com o hábito de comprar ração para cachorro.

Bob teve dentes arrancados e sofreu convulsões

No final de novembro, Bob foi covardemente, criminosamente espancado por um homem não identificado no bairro Osório.

Segundo a Guarda Municipal, ele foi resgatado com dois dentes quebrados e ferimentos nos olhos e nas patas. Durante o socorro, ele chegou a sofrer duas convulsões.

Após ser tratado em uma clínica veterinária particular, ele foi levado para o grupo de proteção animal São Francisco de Assis.

Todos os custos do tratamento foram bancados por doações de pessoas que se sensibilizaram com a história. Desde que se recuperou da agressão, estava à disposição para adoção até conquistar o coração de Izidra.

Compartilhe o post com seus amigos!

Fonte: Plantão dos Lagos

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários