Gatinho resgatado ganha dois guarda-costas grandões: um pastor alemão e um dobermann (veja vídeo)

Um doberman, um pastor alemão e um filhote de gato. Essa amizade não poderia ter dado mais certo.

Existem algumas amizades no mundo animal, que quanto mais distintas forem, mais admiráveis se tornam. Laços amorosos entre cães e gatos são muito comuns, já sabemos, mas esse aqui chama a atenção especialmente pelo contraste do tamanho entre os amigos.

Um dobermann e um pastor alemão foram os responsáveis por acolher, cuidar e proteger um gato que havia sido resgatado ainda filhote e passou a viver com os dois grandões em uma fazenda em Tucson, nos Estados Unidos. O local também abriga outros animais, muitos deles foram resgatados.

A aproximação tão espontânea e natural entre eles, não poderia ter dado mais certo. Um vídeo do gatinho interagindo com os seus guardas particulares, é muito encantador e prova como tamanho não é documento ao que diz respeito a doçura e meiguice desses cachorros e felino.

Veja e se derreta também:

Muito lindos! Mas também, quem poderia resistir tamanha fofurice desse gatinho? Gatinho esse que cresceu, mas segue com o forte vínculo de amizade com os seus amigos.

Olha só como eles cresceram:

Ana Caroline Haubert

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com

Comentários