Crianças salvam sozinhas filhote abandonado no meio de estrada movimentada

Um grupo de crianças salvou a vida de um filhotinho que estava perdido em uma movimentada rodovia na Tanzânia, país do sudeste africano.

Carros e motos passavam por ali apressados e o pequeno corria sério risco de vida. Ao ver a situação do cachorrinho, Goodluck, Casbert, Caren, Princes e Kenny, todos com idades entre 5 e 7 anos, deram um jeito de tirá-lo daquela situação.

Foto: Ismael Mungaya
Foto: Ismael Mungaya

As crianças estavam retornando da escola no momento do resgate.

Mais tarde elas batizaram o filhote de ‘Jack’.

Foto: Ismael Mungaya
Foto: Ismael Mungaya

“Os pequenos se apaixonaram por ele e decidiram ir buscá-lo”, disse Ismael Mungaya, um zelador local na Tanzânia. “Mas quando eles o levaram para casa, seus pais não o quiseram”, lamentou o homem.

Mas as crianças se recusaram a abandonar Jack, que parecia estar faminto e bastante sujo. Elas levaram o filhote para o Abrigo Mungaya, que administra um pequeno canil que resgata e cuida de cachorros em Arusha, uma das maiores cidades do país.

Foto: Ismael Mungaya
Foto: Ismael Mungaya

O local já estava lotado à época, mas Mungaya, o jovem que administra e dá nome à ONG, decidiu acolhê-los mesmo assim.

“As crianças me fizeram muito feliz”, disse Mungaya. “Sim, foi difícil porque eu não tinha muito espaço no canil, mas por causa do compromisso deles em ajudar Jack, eu disse: ‘Eu ajudo’”.

Foto: Ismael Mungaya
Foto: Ismael Mungaya

Mungaya cuidará do pequeno Jack até ele ficar maior e mais forte, garantindo no processo que ele seja vacinado, castrado e desparasitado. Em seguida, o jovem procurará uma casa para o filhote – seja na Tanzânia ou fora do país.

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários