Donos simulam conflito para ver reação de seu pit bull e ele não deixa barato: 'Ninguém mexe com minha mãe!'

Por
em Notícias

Se tem uma coisa que um cachorro não gosta é quando algo ou alguém mexe com as pessoas que ele ama!

Para o cãozinho Sebastian, da raça pit bull, mexer com os donos é como mexer com ele mesmo. Mais: absolutamente ninguém pode levantar a mão ou a voz para sua mamãe adotiva, nem mesmo seu pai!

Há alguns dias, Andreza Albuquerque, de São Paulo (SP), resolveu mostrar como o cachorro se comporta quando sente que ela está sendo ameaçada. O vídeo - muito precioso por sinal! - foi compartilhado em um grupo no Facebook e viralizou.

É apenas uma brincadeira - uma simulação de briga, - mas a reação do cachorro surpreendeu os tutores.

Assim que seu papai aponta o dedo para Andreza, Sebastian fica em estado de alerta. Quando ele ameaça agredi-la com um chinelo, o cão não perde tempo… Pula em cima do pai e tenta impedi-lo!

“Reparem bem na cara do Sebastian a todo momento, é ou não é o amor da minha vida?”, escreveu Andreza na legenda do vídeo.

Ninguém mexe com a mamãe dele!

A reação firme e leal do cachorrinho conquistou os internautas nas redes sociais. Para muitos, a filmagem é uma prova real do quanto o cão se importa com sua família.

Olha só que doguinho bonito!

A escolha da pessoa favorita

Quase sempre os cães escolhem como seu favorito, aquele que cuida, alimenta e transmite segurança, mas toda regra há uma exceção.

Muitas vezes aquele que se dedica ao cão não é o seu favorito, isso porque, para alguns cães, não é apenas a quantidade de atenção e carinho que importa, mas a qualidade.

Se você é o tipo de dono que se importa com as necessidades físicas do seu cão e esquece da emocional é muito provável que ele se importe mais com aquele familiar que só dê carinho a ele. O vínculo entre o cão e o seu dono acontece naturalmente, ofereça ao seu bichinho experiências positivas e pouco a pouco o seu cão o tornará o favorito.

Receba nossas notícias no WhatsApp!Entrar no grupo

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.