Cães sozinhos em casa e carentes ligam 16 vezes para polícia

Conheça Remy e Bomber - dois filhotes de Minnesota, Estados Unidos, que gostam de atenção e que farão tudo o que quiserem, mesmo que isso signifique envolver os policiais..Na manhã de quinta-feira, o Departamento de Polícia de Lakeville, em Minnesota, recebeu um estranho telefonema. Um funcionário atendeu o telefone e foi recebido apenas com silêncio do outro lado da linha.

A partir daí, o mistério só se aprofundou. Quando os oficiais Michelle Roberts e Emily Bares chegaram ao local das ligações, a casa estava trancada e aparentemente vazia.

Contudo, ambos os oficiais sabiam que isso era impossível.

"No momento em que chegamos lá, a polícia recebeu mais três chamadas no numero de emergência naquele período de tempo", disse o policial Roberts ao The Dodo. “Em alguns deles ouviram os cães latindo ao fundo, mas sem vozes humanas.”

Depois de uma caminhada pela propriedade, os dois policiais foram embora - mas os telefonemas continuavam chegando.

Então, Roberts decidiu retornar e tentar fazer contato uma última vez. Ela encontrou um número de telefone celular para o proprietário.

"Eu estava mais preocupado porque achei que havia um humano lá que não podia falar ou se mexer e apenas continua pedindo ajuda", disse Roberts. “Eu nunca pensei que fossem os cachorros, com certeza.”

Assim que ela entrou, ela foi recebida por dois cachorros super simpáticos. Os dois cães pareciam um pouco envergonhados com o problema que causaram, mas ficaram satisfeitos com os resultados.

Roberts entrou no escritório em casa e, com certeza, um celular esquecido estava na mesa.

"Estava apenas em 'chamada de emergência', então os cães só precisavam acertar a tela com a pata ou o nariz, o que teria permitido que ligassem para a emergência da polícia."

Os policiais ficaram felizes ao saber que não se tratava de uma emergência, mas sim, de cães fofinhos e carentes que queriam atenção a todo custo.

Comentários

Mais em Notícias