Meninos de 12 e 13 anos salvam três cães de incêndio em casa de vizinho; vídeo

Anthony e Mário estavam passando pela casa quando ouviram o alarme de incêndio e latidos

Por
em Notícias

Dois meninos tiveram uma atitude de herói após salvar três cães que estavam presos na casa de um amigo vizinho enquanto o alarme de incêndio tocava, no dia de ano novo.

Anthony Lombardi, de 12 anos, e Mário Comella, de 13, estavam de bicicleta passeando pelo bairro em Coventry, Estados Unidos, quando perceberam os alarmes de incêndio tocando e latidos vindo de dentro da casa de seu amigo.

As imagens capturadas pela câmera de segurança mostram os meninos de bicicleta na propriedade do amigo enquanto falam com ele no telefone para alertá-lo da situação da casa.

O amigo passa a senha e então Mário digita um código de segurança para abrir a porta. Ao destrancá-la, Anthony vê a fumaça e percebe que lá dentro há três cães.

Imediatamente pede para Mário ligar ao 911 e pedir ajuda, pouco tempo depois dois cães saem correndo da casa: Faith e Boo.

Quando Mário nota que há um terceiro cão preso em uma caixa, corre para dentro da casa para salvá-lo. Enquanto isso, Anthony segue dizendo para Mário ligar para o 911.

O terceiro cão da família é Chase, um filhote de pastor alemão. Depois de liberto, Mário corre de volta para a porta e grita “saia, saia” para que o animal venha para fora da casa e fique em segurança.

O menino de 13 anos ainda estava ao telefone com seu amigo e pode ser ouvido dizendo: “Eu tirei seus cachorros”.

Com os três cães seguros, Mario liga para o 911, enquanto isso Anthony corre de volta para a casa, abre a porta e diz para o amigo: “É fogo, sinto o cheiro”.

Com a situação resolvida, os dois meninos foram muito elogiados pelos pais do amigo, John Salisbury e Athena DiBenedetto, que haviam saído para comer fora naquela manhã.

“Com toda a fumaça subindo na casa, ele nem pensou duas vezes. Ele entrou correndo e soltou o cachorro”, destacou Athena em entrevista ao 12 News.

John contou que o alarme disparou porque que um de seus cães acidentalmente acendeu uma das bocas do fogão, acendendo também uma tábua de cortar que havia sido colocada em cima dela.

“Ainda não consigo assistir [ao vídeo de segurança] sem ficar com os olhos marejados e pensar no que teria acontecido se eles estivessem lá cinco ou 10 minutos depois”, comentou o homem.

Mário ressaltou que entrou na casa sem pensar duas vezes porque os animais de estimação do seu tio morreram em um incêndio e ele não queria que o mesmo acontecesse com seu amigo.

Mesmo que no final tenha ocorrido tudo bem, o chefe dos bombeiros de Coventry, Frank Brown, lembrou a todos que não se deve entrar em um prédio ou casa em chamas e, sim, ligar para o 911 imediatamente.

Confira algumas imagens no vídeo abaixo:

Veja também:

Cachorros e gatos que salvaram vidas humanas

Uma jornalista quase formada de 21 anos, completamente apaixonada por futebol e animais. É daquelas pessoas que não podem ver um cachorro ou gato na rua que já quer fazer carinho... Do tipo curiosa, gosta de contar boas histórias e aquecer o coração de seus leitores. Um pouco indecisa para os títulos das matérias, confesso, mas dedicada ao ponto de procurar sempre escolher as melhores palavras. Prazer, sou Letícia Michele Schneider, atualmente moradora de Passo Fundo (RS), tenho o sonho de deixar o mundo um pouquinho melhor e quem sabe um dia estar à beira do gramado entrevistando os jogadores da dupla Grenal.