Delegado Bruno Lima visita cadela Pandora em clínica veterinária onde está hospitalizada

Por
em Notícias

O delegado Bruno Lima se fez presente no caso Pandora, a cachorrinha que foi transportada no compartimento de carga de um avião e fugiu durante a conexão de um voo da Gol no Aeroporto Internacional de Guarulhos, na Grande São Paulo, no dia 15 de dezembro.

No último domingo, 30, após longos 45 dias de buscas intensas por parte do dono, da população e da equipe do delegado, para alegria nacional a cadelinha foi encontrada.

E para aquietar o coração de muitos que gostariam de saber sobre sua saúde, o delegado, na segunda-feira, foi até a clínica veterinária onde Pandora foi hospitalizada.

A cachorrinha está recebendo todo o tratamento necessário para a sua recuperação - pois foi encontrada muito debilitada e desidratada -, e acompanhada por Reinaldo Junior, o tutor, tem recebido todo o amor necessário para que se recupere o mais rápido possível.

Durante a live que transmitiu no seu Facebook, o delegado agradeceu a todos que participaram na busca da Pandora e ressaltou que a caso mostrou que é possível unir muitos em prol de uma causa e que para a causa animal qualquer vida - seja uma ou várias -, importa.

"Quero deixar os parabéns a todos os protetores que foram voluntários todos esses dias. São anônimos que às vezes não são colocados na internet, não são postados, não são marcados, mas lutaram todos os dias para localizar a Pandora", agradeceu o delegado.

O delegado ainda afirmou que nunca viu tanto amor de um dono por um animalzinho, que talvez se fosse outro já teria desistido, e que tal atitude é um exemplo para todos aqueles que são envolvidos na causa animal.

"Feliz demais! Não tenho muito o que falar, só agradecer a Deus, por ela ter aparecido e agradecer novamente todos vocês".

Segundo Bruno, a localização da Pandora não encerra o caso judicial. E que essa história se torne um marco para a causa animal para que daqui em diante seja revisto o transporte dos animais nos aeroportos, pois assim como ela tantos outros se perderam e até mesmo morreram durante o transporte.

"Que as companhias aéreas sejam responsabilizadas e tenham a consciência de que os animais são uma vida e não tem preço", finalizou.

O publicação obteve mais de 258 mil visualizações, 38 mil reações e milhares de comentários cheios de carinho para a dupla.

"Como é bom ver Reinaldo e Pandora juntos, que Deus ilumine vocês! Reinaldo me surpreendeu com o amor que tem pela Pandora", escreveu um.
"Agora só alegria! Deus continue abençoando Pandora e sua família humana!", comentou outra.
"Deus é maravilhoso! Obrigado meu Deus pela a Pandora ter aparecido", agradeceu uma terceira.

Saiba mais no vídeo abaixo:

Veja também:

Cachorros e gatos que salvaram vidas humanas