Cão escapa de canil e faz festa com brinquedos doados em abrigo

Por
em Cães

Se tem uma coisa que a maioria dos cães sabem fazer é aproveitar as oportunidades para fazerem aquela bagunça quando o responsável não está por perto.

E um cãozinho muito sapeca que vive desde filhote no abrigo de animais Bedford County Humane Society, na Pensilvânia, Estados Unidos, soube muito bem se divertir na ausência dos funcionários do local, em janeiro, deste ano.

Gilligan teve um começo de vida difícil, o que lhe deixou alguns traumas e para ajudá-lo a superá-los os voluntários decidiram torná-lo o recepcionista do escritório - que por sinal é um trabalho que ele adora.

“Ele é um maravilhoso recepcionista de escritório”, disse Joyce Ross, funcionária da Bedford County Humane Society, ao The Dodo. “Toda vez que alguém entra pelas portas, ele nos avisa enquanto espera pacientemente que o visitante lhe traga guloseimas ou até mesmo um brinquedo novo. Ele definitivamente fez progressos.”

A rotina do cãozinho é passar o dia na recepção e a noite ir para o canil. Só que certo dia o responsável de colocá-lo na casinha não trancou a porta direito e quando todos haviam ido embora, não é que o espertinho deu um jeito de escapulir!

E claro, soube aproveitar muito bem a ocasião para fazer aquela festa.

“Ele passou muito tempo verificando se havia alguém no prédio”, disse Ross. “Uma vez que ele percebeu que estava sozinho, ele foi direto para os brinquedos. Um por um, ele os tirou da pilha que acabamos de receber de todas as nossas doações de Natal e os trouxe para o corredor para brincar com eles e tirar os squeakers.”

Veja:

Ele espalhou os brinquedos por todos os lugares, não houve só um que estivesse no lugar.

No dia seguinte, os funcionários não fiaram surpresos com o autor da bagunça, pois ele estava ali bem pleno, todo orgulhoso de si, abanando o rabinho. Não tem como ficar braba com uma criaturinhas dessas, né?!

“Ele não tinha remorso e ficou feliz em ver um rosto familiar”, disse Ross.

A equipe achou graça que ele não foi atrás de guloseimas e petiscos e, sim, dos brinquedos. E não qualquer brinquedo, ele quis só os que faziam barulho. Depois de averiguarem todos, os funcionários guardaram aqueles que ainda estavam inteiros.

Confira:

Sem dúvidas, Gilligan, soube aproveitar muito bem sua festa clandestina.

Assista também nosso vídeo:

A história da cachorrinha que reza pelo dono e mais no Jornalzinho Amo Meu Pet