Cão sem olhos aguarda ansioso por um lar após viver anos acorrentado em parede

Por
em Cães

Benji é um cão que não tem olhos e, devido a sua deficiência, ainda não encontrou um lar. O que é muito triste pois ele é muito dócil e tem um coração gigante pronto para dar amor àquele que o aceite do jeitinho que é.

O cão mestiço de cinco anos foi resgatado pelo abrigo de animais Blind Dog Rescue no Reino Unido, mas até o resgate acontecer, viveu quatro anos acorrentado a uma parede na Bósnia.

E desde que foi socorrido, há um ano, tem vivido em um lar temporário para aprender 'o que é ser um cachorro', mas agora ele se mudará para o Reino Unido para encontrar o seu verdadeiro lar.

"Benji passou a vida em uma corrente, mas no último ano esteve com sua salvadora. Desde que ele está com ela, ele fez um grande progresso", contou um porta-voz do abrigo.

O homem contou que nunca viu um cão cego se adaptar tão rapidamente com os desafios do dia a dia, como por exemplo, caminhar no jardim sem se esbarrar. Benji é muito esperto e, depois que conhece o lugar, sabe muito bem onde ficam as coisas, além de sempre correr para atender um chamado.

“As poucas vezes que fomos ao veterinário, ele aprendeu sozinho a entrar no carro, e tem tanta confiança e é tão inteligente que ele mesmo pula do carro", disse.

O cãozinho é muito sociável, não arranja problemas com outros animais, mas o abrigo prefere que ele seja o único da casa porque ele gosta de ser o macho dominante da matilha.

"Os cães o amam muito, ele não tem problema em ficar com a matilha o tempo todo. Quando novos cães chegam, ele os aceita sem problemas", acrescenta o porta-voz.

Em questão de diversão, Benji brinca como qualquer outro cão!

"Ele é apaixonado por brinquedos, principalmente bolas, e aprendeu a pegá-los. Quando ela quica e ele consegue ouvir para onde foi."

Confira:

O abrigo que resgatou Benji trabalha para realojar cães cegos e com visão parcial, pois por mais que tenham sido submetidos a maus-tratos, eles ainda têm a surpreendente capacidade de se adaptar e amar.

E torço que Benji não demore a encontrar alguém para lhe oferecer tudo de bom que ele merece!

Veja também o novo vídeo do nosso Jornalzinho: