Paciente chora de emoção ao receber visita inesquecível de um cavalo especial; vídeo

Por
em Aqueça o coração

A curitibana Audri Espake, na esperança de confortar o coração do seu pai acamado, o levou em uma visita à Fazenda Rio Grande, onde fica a sede do Coletivo Inclusão — uma organização sem fins lucrativos que promove a inclusão de pessoas em situação de vulnerabilidade. E dentre as atividades que a ONG promove, está a equoterapia — terapia com cavalos.

Nesse dia, um cavalo chamado Paçoca, se aproximou dele de tal forma que parecia transmitir um amor infinito. "Inexplicável esse momento", afirmou a jovem. O vídeo desse encontro foi compartilhado no perfil do Instagram da Audri no dia 8 de agosto.

Em fevereiro 2021, João Eber da Rocha, pai de Audri, sofreu um acidente de caminhão.

O veículo que conduzia transportava madeira e tombou. Ele dirigia na Estrada da Ribeira, em Colombo, na região Metropolitana de Curitiba, no Paraná. O motorista foi socorrido em estado grave. E desde então segue se recuperando.

Vê-lo adoentado, entristece a filha. Pois sempre o teve como um homem forte e trabalhador. Desde o acidente, Audri compartilha a evolução do quadro de saúde do seu pai nas redes sociais, a fim de informar aqueles que conheceram a história.

Em um post ela disse que João teve uma lesão axonal difusa no acidente e, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), precisou realizar uma traqueostomia.

E no último post que publicou sobre o seu pai, foi o da visita. No vídeo é possível ver o cavalo repousando a sua cabeça em João, que está deitado em uma cama. Por um momento o equino fecha os olhos como se quisesse afirmar que tudo ficará bem. O homem emocionado chora.

A filha escreveu na descrição: "não conhecíamos o cavalo Paçoca, fomos conhecer o trabalho do @coletivoinclusao e lá vimos pela primeira vez o Paçoca. Ele ficou assim com o pai o tempo todo, foi lindo! Gratidão, Deus".

A publicação emocionou muitos internautas e alcançou 3 milhões de visualizações, 214 mil reações e milhares de comentários cheios de amor e carinho pelo João.

"Oh, minha querida, seu pai é um homem rico! Quanto amor ele tem… e isso contribui demais para recuperação dele. Não tem como conter as lágrimas com uma história tão triste, mas tao cheia de amor como essa. Que a recuperação dele seja excelente e que Deus dê a vocês a força de que precisam", desejou uma.
"Que seu pai seja curado. Porque se o Paçoca gostou dele é porque ele é do bem também!", comentou outra.
"Cavalos são tão sensíveis e maravilhosos. Que lindo seu pai ter vivenciado essa experiência na jornada dele", escreveu uma terceira.

Confira:

A ONG, feliz com a repercussão da história de João e Paçoca, escreveu em um post no seu perfil do Instagram: "nós ficamos muito felizes pela repercussão que o nosso cavalinho Paçoca e o seu João tiveram nas redes sociais! Muito amor, cumplicidade e cura!".

E se você deseja acompanhar o trabalho do Coletivo Inclusão nas redes sociais, clique aqui.

Assista também:

O cachorro que VIROU BABÁ de gatinhos e mais notícias no Jornalzinho Amo Meu Pet