Conheça os cães Pitsky, misturas entre as raças pit bull e husky siberiano; fotos

Por
em Notícias

Gunner é um cachorro de beleza singular. Ele é uma mistura da raça pit bull e husky siberiano. Sua tutora, Jennifer Dang, que reside na Virginia, Estados Unidos, faz questão de compartilhar o dia a dia do mascote nas redes sociais, mostrando como é ter um cão da raça pitsky.

O peludinho tem cinco anos e adora carinho na barriga e fungar. Sua brincadeira favorita é correr em um dia ensolarado para pegar gravetos. Sua comida favorita? Manteiga de amendoim. E o que sabe fazer de melhor? Posar para fotos e, assim, rechear o feed com sua cara fofa.Logo que você olha para Gunner, percebe tanto os traços do pit bull, quanto o do husky siberiano. E para conhecer um pouco mais sobre a raça pitsky, confira abaixo algumas características dos pais.

O husky siberiano é uma raça que possui olhos penetrantes que podem ser azuis brilhantes, às vezes marrons ou uma mistura de ambas as cores.

Seus rostos são geralmente brancos, emoldurados com marcas mais escuras — geralmente pretas ou marrons. Essas marcações podem formar padrões em seus rostos que podem dar a um husky uma expressão caprichosa ou divertida.

De personalidade forte, eles tendem a ser independentes. São cães de boa índole e gentis que amam a companhia de seus humanos, sem serem muito grudentos ou carentes. Sua alta energia, inteligência e natureza amigável também os tornam ótimos cães de terapia.

O pit bull é uma raça de companhia e família. Quando criado com o devido treinamento e socialização, essa raça é um excelente companheiro para as crianças.

Esses cães são extremamente inteligentes e aprendem comandos e truques com facilidade.

Eles têm um entusiasmo pela vida e adoram se envolver em tudo o que acontece ao seu redor. Eles mantêm um comportamento de filhote até a idade adulta.

Já a mistura dessas raças, o pitsky, vária de tamanho médio a grande, são enérgicos e leais. Herdando algumas das melhores qualidades de ambos os pais.

São muito leais às suas famílias e aceitam crianças. Alguns podem ter uma tendência natural a serem apreensivos ou rudes com outros animais de estimação, mas o treinamento e a socialização precoces podem ajudar a superar essas tendências.

Veja outros cães dessa mistura.

1.

2.

3.

4.

5.

Assista também:

O cachorro que VIROU BABÁ de gatinhos e mais notícias no Jornalzinho Amo Meu Pet