Gatinho colhe flores do jardim e leva para vizinhos durante a primavera

Um gatinho chamado Willow possui um interessante hábito: a cada início de primavera, quando as flores do seu quintal desabrocham, eles as recolhe e as distribui gentilmente para os vizinhos do bairro.

Willow pertence à Rose, uma professora que mora no condado de East Sussex, no Reino Unido.

Ela conta que o bichano adora entregar as flores rosas que surgem uma vez ao ano para a vizinhança. "Esse hábito surgiu assim que nos mudamos para cá, há três anos. Willow é um gatinho muito gentil e amável, e gosta de agradar as pessoas que vê passando através da cerca de casa", conta sua mãe.

Daniela Josan, vizinha de Rose, relata que inicialmente achava que as flores cor-de-rosa que apareciam regularmente em seu terraço eram trazidas pelo vento, até que certo dia encontrou um gatinho dormindo na entrada de sua casa com uma flor na boca.

De modo a demonstrar gratidão pelo gesto de gentileza do animal, Daniela começou a presenteá-lo com biscoitos e guloseimas.

Essa 'troca' de favores - uma flor por um biscoito - acontece há três primaveras.

E isso não ocorre somente com ela: aparentemente, todos os vizinhos estão engajados na brincadeira. "Ele adora brincar conosco e anseia pelo carinho dos seus vizinhos - talvez mais até do que de sua própria família", brinca Daniela.

Após entregar as flores, Willow se aconchega na varanda dos vizinhos e toma conta do lugar, como se fosse dele.

Mas afinal de contas, quem não gosta de receber flores de um admirador secreto?

Veja o vídeo abaixo de Willow levando flores para seus vizinhos:

Paws Planet

Compartilhe o post com seus amigos!

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários