Macaquinho vai a funeral e lamenta morte de homem que o alimentava; vídeo

O falecido era conhecido na região pelo seu amor aos animais

Por
em Notícias

A relevância de uma pessoa em vida certamente não está relacionada a quantos amigos, recursos e bens materiais ela conquistou em vida, mas sim no quanto ela foi capaz de marcar aqueles que estiveram em sua volta.

A morte súbita de um homem chamado Peetambaram Rajan, de 56 anos, que faleceu recentemente na região de Batticaloa, no Sri Lanka, demonstra isso de uma maneira emocionante.

Segundo divulgou o veículo de imprensa Tamil Mirror, não há muitos registros do homem na internet, mas em seu velório aconteceu uma situação inusitada capaz de emocionar todas as pessoas presentes no local e ao redor do mundo.

Enquanto era velado, um serzinho acabou chamando a atenção ao comparecer no local para lamentar e se despedir de Rajan: um macaquinho.

Na ocasião, o animal subiu no cadáver, lamentando a sua partida, e depois ainda foi até o cemitério onde ocorreu o seu sepultamento, como uma forma de prestar suas últimas homenagens.

Eu sei que quem lê ou ouve essa história pode até não conseguir imaginar uma cena dessas, mas felizmente as pessoas que estavam no local registraram o momento, que naturalmente, acabou chamando muita atenção.

O gesto do macaquinho, é claro, não foi por acaso, pois mais do que próximo, ele era amigo do homem falecido. Rajan, que era conhecido pelo seu amor aos animais, tinha o adorável hábito de alimentar animais vindos da floresta e o macaquinho, que era um deles, vinha todos os dias a sua casa.

Segundo relatos, Rajan dava-lhe frutas e biscoitos e o macaco tinha o hábito de ir até o quarto do filho do homem, para que os dois comessem juntos.

Pessoas próximas a Rajan contaram ainda, que no dia 17, o macaco foi até a sua casa como fazia comumente, quando se deparou com o homem morto e teve uma atitude inexplicável.

O macaco teria agarrado sua camisa, chorado lágrimas, tocado sua perna e inclinado-se ao lado dele. A partir desse momento, o macaco não teria mais saído do lado do homem e acompanhado o seu velório e sepultamento

Incrédulas com a iniciativa do animalzinho, as pessoas que estavam participando do velório fizeram questão de registrar o momento, afinal, quem poderia acreditar em um caso desses?

O momento é muito emocionante, confira:

Embora algumas coisas não consigam ser compreendidas, o especialista em comportamento animal Dr. Mark Bekoff, explica que os animais são perfeitamente capazes de sentir e expressar as suas emoções, bem como os humanos fazem.

“Não há dúvida de que muitos animais experimentam emoções ricas e profundas. Não é uma questão se as emoções evoluíram nos animais, mas por que elas evoluíram como evoluíram. Nunca devemos esquecer que nossas emoções são dons de nossos ancestrais, nossos parentes animais. Temos sentimentos e outros animais também. Entre as emoções diferentes que os animais exibem de forma clara e inequívoca é o luto”, explica Bekoff.

Mais uma vez os animais nos surpreendendo. História linda, né gente?

Veja também este vídeo:

10 SUPER AMIZADES IMPROVÁVEIS DO MUNDO ANIMAL

Últimas notícias