Cachorrinho queimado vivo por antiga 'dona' chora ao ser adotado no AC

Em um ato covarde e criminoso, a antiga dona de Sebastian, um dócil cãozinho da raça Pinscher, queimou seu corpo e depois o expulsou de casa.

De acordo com vizinhos da mulher, Sebastian estava sujeito a maus tratos constantes. Felizmente, ele foi resgatado resgatado pela Sociedade Amor a Quatro Patas, em Rio Branco (AC). Assim que soube da triste história do animal, a estudante de enfermagem e técnica administrativa Estephane Oliveira, 18 anos, apareceu como um anjo na vida do cachorrinho.

Quando a jovem chegou ao abrigo de cães e o abraçou, ele comoveu a todos com uma lágrima escorrendo pelo focinho. Sebastian estava internado em estado grave na clínica veterinária parceira da Sociedade, que resgata animais vítimas de maus tratos e violência doméstica. Ele recebeu alta na manhã do último sábado (14).

“Me emocionei muito com a história dele. Quando vi que ele tinha uma dona e que ela foi capaz de queimar e abandonar ele, e que mesmo assim o cachorro ainda ia atrás dela [antiga dona], isso me partiu o coração”, disse a estudante.

Cãozinho em tratamento

Em casa, a estudante de enfermagem já tem cinco cachorros, entre eles, três Pisncher; ainda assim, não pensou duas vezes para adotar Sebastian. “Meu incentivo para adotar ele é que tenho outros cachorros e sei que eles gostam da gente de verdade. Podemos passar muitos dias longe, mas eles sempre nos procuram, e choram. Sempre gostei muito de cachorro”, explica.

Até que o cãozinho termine o tratamento na clínica veterinária Cevet e passe por todo o processo de adoção junto à Amor a Quatro Patas, Estephane ficará com a guarda provisória dele. “Há todo um processo, eles [a Associação] investigam se realmente temos condições de adotar um cachorro, se nossa casa é propícia para o lar de mais um animal, se ele está se adaptando bem, procedimentos que preconizam o bem do animal”, informa a nova dona.

A jovem não vê a hora de Sebastian poder ser seu pet definitivo. “Assim que se oficializar todos os trâmites para adoção, serei o lar permanente dele”, comemora.

Fonte: AC24h

Compartilhe o post com seus amigos!

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários