Médico receita 'adotar um filhote de cachorro' para idoso que luta contra o câncer

Com a esposa resistindo a adoção, idoso pediu a ajuda do médico que colaborou com o plano.

Quando se está enfrentando momentos difíceis e delicados referente à saúde, uma boa dosagem de amor é sempre bem vinda.

O idoso Russell Poole resolveu lidar com o seu câncer de esôfago de uma maneira leve e cheia de ternura. O homem que havia perdido o seu cachorro de estimação há pouco tempo, decidiu que para enfrentar a doença ele adotaria um filhote de cachorro.

Inicialmente a sua esposa Vivian foi contrária à ideia e disse que só aceitaria com uma condição: "Quando o Dr. Ben-Or prescrever um cachorro para você, nós pegaremos um", disse ironicamente.

O que Vivian não esperava, era que o doutor realmente faria isso, a pedido do marido, é claro. Na consulta seguinte, Russell pediu à ajuda do seu médico que não se opôs à ideia e colaborou para que o desejo do paciente se realizasse. Ao questionar Russell a respeito de qual raça ele gostaria que fosse prescrita, o paciente foi direto: “Não importa, doutor. Eu só quero um filhote.”

E assim, Russell recebeu a sua prescrição médica com a receita para o amor. No final da consulta o Dr. Ben-Or chamou Vivian na sala onde foi revelado a recomendação de adotar um filhote, o que a fez cair na gargalhada ao ver que o Dr. participou da ideia.

Foto: Facebook / Animalkind Stories
Foto: Facebook / Animalkind Stories

Então, em março de 2019, o casal resolveu adotar um filhote da raça Labradoodle de oito semanas e o nomeou de Ben-Or Snickerdoodle Sto - a combinação entre o nome do médico e seu lugar favorito, Edisto Island. Que escolha marcante, né?

Confira algumas imagens abaixo:

E aí, o que achou dessa história? Me parece que uma companhia dessas parece ser uma ótima opção de tratamento!

Ana Caroline Haubert

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com

Comentários