Delegado Matheus Laiola resgata cães vítimas de maus-tratos em São José dos Pinhais, Paraná

O delegado tem se destacado pelas suas intervenções em prol da proteção dos animais.

O fato de muitos animais terem donos e um lar para morar, passa a impressão que eles são bem cuidados, mas infelizmente, essa não é a realidade de parte deles.

Prova disso, é que muitos animais são retirados da tutela dos seus donos de origem, seja por denúncia de maus-tratos ou negligência. Autoridades e ativistas pelo bem-estar animal têm intervindo cada vez mais em casos assim.

Foto: Facebook / Delegado Matheus Laiola
Foto: Facebook / Delegado Matheus Laiola

O delegado Matheus Araújo Laiola - natural do interior de São Paulo, que trabalha atualmente em Curitiba, Paraná - apesar de comandar a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) da cidade, tem ganhado destaque por atuar em casos que salvam animais que viviam sob maus-tratos.

Quando assumiu o comando da DPMA, em janeiro de 2019, o delegado já havia antecipado que fiscalizar ONGs de proteção animal e denúncias de maus-tratos seriam prioridades da delegacia.

“Nosso objetivo é o bem-estar animal. Ficaremos felizes de ver que os bichinhos estão sendo criados em boas condições, saudáveis e felizes”, disse o delegado.

Na primeira semana de junho, o delegado, junto da sua equipe, resgataram dois cachorros que estavam em investigação pelos agentes, na cidade de São José dos Pinhais, Paraná.

Foto: Facebook / Delegado Matheus Laiola
Foto: Facebook / Delegado Matheus Laiola

Ao chegar na residência, Laiola constatou que a comida e a água dos animais estavam em péssimas condições de consumo. Além de estarem com visíveis marcas no corpo devido à coleira apertada. Eles foram resgatados, levados a uma clínica veterinária e posteriormente serão disponibilizados para adoção.

Foto: Facebook / Delegado Matheus Laiola
Foto: Facebook / Delegado Matheus Laiola

Segundo o delegado, o resgate foi em decorrência de um pedido de apoio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente de São José dos Pinhais.

O caso foi publicado na sua página no Facebook e gerou grande comoção entre os internautas.

Confira:

Ao mesmo tempo que desejamos que casos como esse deixem de existir, é imprescindível que o trabalho como o que o delegado Loiola tem realizado se mantenha presente na sociedade e possa garantir a segurança e o bem-estar dos animais. Vamos apoiar iniciativas como esta em nossas cidades, é fundamental.

Ana Caroline Haubert

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com

Comentários