Ao atender ocorrência de gato arremessado de carro, policial decide adotá-lo

Apesar do susto, o gatinho passa bem e agora está em ótimos cuidados.

Por
em Gatos

Ao atender a ocorrência de maus-tratos e abandono envolvendo um gatinho que foi atirado de um carro em movimento, na cidade Sandy Springs, Geórgia, no dia 5 de julho do ano passado, o policial Housand ficou comovido com a situação ao ponto de adotá-lo.

A crueldade de uma pessoa em ter jogado um gatinho para fora de um carro em movimento, apesar de abominável, permitiu que ele fosse salvo e adotado por um ser humano muito melhor.

Segundo a Fox News, o primeiro contato entre eles já havia sido bastante emocionante, especialmente para o gatinho que, ao perceber que foi salvo pelo policial, rapidamente se aconchegou em seu colo. Apesar da gravidade que ele foi exposto, o filhote não estava ferido, mas o policial notou que mesmo assustado, ele se sentia seguro com ele, então Housand não poderia deixá-lo e resolveu acolhê-lo.

Agora um pode proteger o outro, talvez Housand mais que o gatinho, mas o felino será uma grande companhia, portanto os dois saem ganhando nessa situação. Viva!

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com