Cadela pit bull que temia a presença humana e se escondia embaixo de cama em abrigo finalmente é adotada

No abrigo, a cadela apresentava um comportamento introspectivo e receoso, mas aos poucos, isso está mudando com a sua nova família.

Não diferente dos humanos, os animais também possuem sentimentos e sempre encontram formas de expressá-los. É necessário, porém, que as pessoas tenham a sensibilidade necessária de percebê-los.

Percepção esta que, felizmente, os funcionários do abrigo Collier Domestic Animal Services, em Flórida, Estados Unidos, tiveram com a cadela recém-chegada, Princess. Transferida em agosto, Princess demonstrou claros sinais de desconforto e passou a se esconder embaixo da caminha do seu canil.

Foto: Friends of Collier Domestic Animal Services
Foto: Friends of Collier Domestic Animal Services

Os funcionários tentaram despertar a atenção de Princess de diferentes maneiras, mas nenhuma foi eficaz o suficiente para fazer com que ela deixasse o local. Apesar da situação, os voluntários tiveram a sensibilidade necessária para deixá-la mais confortável e a vontade com o ambiente.

Foto: Friends of Collier Domestic Animal Services
Foto: Friends of Collier Domestic Animal Services

“Eu não posso enfatizar o suficiente o quão urgente essa garota (Princesa) precisa de uma família só para ela... Ela precisa de alguém com paciência que lhe ensine para aprender que nem todos os humanos não são ruins”, escreveram os voluntários do abrigo na sua página do Facebook.

Foto: Friends of Collier Domestic Animal Services
Foto: Friends of Collier Domestic Animal Services

Com muita paciência, os voluntários do abrigo conseguiram levá-la para passear e ajudá-la a se ajustar em diferentes ambientes. A história de Princess, no entanto, não demorou para percorrer as redes sociais e conquistar o coração de muitas pessoas que se sensibilizaram com o seu caso e demonstraram interesse em adotá-la.

Foto: Friends of Collier Domestic Animal Services
Foto: Friends of Collier Domestic Animal Services

Princess foi adotada e agora tem uma família amorosa em uma fazenda com bastante espaço e muito amor. Ela já até mesmo encontrou seu lugar seguro em casa - debaixo de uma mesa. Esperamos que o local se torne simbólico e ela possa se sentir realmente segura nos braços dos seus novos donos!

Ana Caroline Haubert

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com

Comentários