Cachorro salva a vida de beija-flor ferido e os dois se tornam melhores amigos; confira

Por
em Notícias
O cãozinho percebeu que a ave, caída e ferida, precisava de ajuda e o dono não teve outra escolha a não ser salvar e acolher o beija-flor.

Por mais improváveis que sejam para os humanos algumas aproximações, o reino animal está aqui para ensinar o que importa mesmo é o amor e não as diferenças. O cãozinho Rex, teve uma vida muito difícil, mas isso mudou desde que ele foi adotado pelo dono Ed Gernon.

Eles vivem em Whittier, na Califórnia (EUA), e quando a família já parecia estar completa, Rex teve uma atitude admirável que deixou o seu dono perplexo com tamanha bondade.

Durante um passeio, Rex percebeu o que o seu dono não havia notado: um beija-flor ferido no chão, cercado de formigas. O dono até tentou afastar o cão, mas quando olhou com atenção, percebeu que a pequena ave ainda estava viva e decidiu resgatá-la e levá-la ao veterinário. “Ele era uma criatura minúscula, muito frágil. Parecia que todos queriam acabar com ela, mas Rex só queria protegê-la. Entendi que precisava ajudar”, disse Ed.

O passarinho, que ele decidiu chamar de Hummer, exigiu vários cuidados durante semanas, mas finalmente recuperou-se totalmente. Rex, um cão extremamente amoroso, surpreendeu novamente ao criar uma amizade de muito cuidado e zelo com o beija-flor.

Parece que Ed não poderia ter feito uma escolha melhor ao ter acolhido Rex, não é mesmo? O dono resolveu criar um canal no YouTube mostrando a amizade e vários momentos fofos divididos entre o Rex e o Hummer.

Confira o vídeo:

Muito lindos, né? É uma amizade realmente encantadora!

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com