Delegado Bruno Lima entrega moto nova para homem que resgatou animais de incêndio

Por
em Notícias

Mesmo carregado de boas intenções, algumas pessoas acabam sendo atingidas por circunstâncias inesperadas. Foi o que aconteceu com Carlos Joaquim, de 58 anos, que se arriscou para ajudar a salvar a vida de animais que estavam ao lado de uma área em chamas em Mirassol, interior de São Paulo.

Na melhor das intenções, o homem, que é desempregado, vive em uma casa sem energia e tinha a moto como único meio de transporte, parou para ajudar a retirar os animais do local. Embora os animais tenham sido salvos, ao retornar Carlos encontrou a sua moto sendo consumida pelo fogo. E em uma tentativa frustrada, não conseguiu conter as chamas.

“Nós conseguimos salvar todos os animais. Mas minha moto estava estacionada às margens da vicinal. Fui buscar e a encontrei pegando fogo. Tentei apagar as chamas, mas não consegui. Foi tudo muito rápido”, disse o homem em entrevista aoG1.

A empatia de Carlos, no entanto, não passou despercebida e uma corrente de solidariedade foi criada para ajudá-lo. O delegado Bruno Lima, conhecido pelas atividades em defesa da causa animal, anunciou em sua página do Facebook a criação de uma campanha para arrecadar dinheiro para comprar uma moto nova para Carlos.

“Quando fiquei sabendo do acontecido, juntei um grupo de amigos para ajudar este senhor, comprando uma nova moto e também ração e remédios aos seus 19 animais resgatados. Fizeram também uma vaquinha para ajudar os abrigos e os animais. Vamos juntos!”, dizia a mensagem do delegado.

O anúncio foi feito dia 11 de outubro e no dia 18 a moto foi entregue a Carlos, assim como a ração para os 19 cães que foram salvos do incêndio. Felizmente, boas ações não passam despercebidas e a recompensa aconteceu mais rápido do que Carlos poderia imaginar.

Queimadas no Brasil

Esses cães felizmente foram resgatados com vida, porém essa tem sido uma realidade bem diferente para centenas de animais que vivem no Pantanal e estão sendo atingidos pelas queimadas.

Comparado ao mesmo período de 2019, as queimadas tiveram um aumento de quase 200% segundo o coordenador-substituto do Programa de Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), Alberto Setzer. Até o momento, especialistas estimam que cerca de 23% do Pantanal tenha sido consumido pelo fogo.

Receba nossas notícias no Whastapp! Entrar no grupo

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com