Gato perdeu as patas dianteiras e isso não o impede de ter uma vida felina ativa e normal; vídeo

Apesar das limitações, o gatinho Rex encontrou maneiras especiais de adaptar a sua rotina felina; confira

Por
em Notícias

Mesmo que não saibam, os animais estão sempre nos ensinando grandes lições de vida. O gatinho Rex é um belo exemplo, pois mesmo sem as patas dianteiras, ele leva uma vida muito próxima do comum.

O gato, que vive no Canadá, perdeu as patas e parte do rabo depois que elas congelaram quando ele caiu em uma tigela de água enquanto vivia em uma fazenda quando ainda era um filhote.

Segundo o site Daily Mail, ele virou atração na rede social TikTok por conta do otimismo e praticidade com que ele vive a sua rotina. Com os instintos felinos apurados, Rex, que ganhou esse nome em referência ao dinossauro T-Rex pela semelhança entre as posturas, adora se posicionar no sofá para arranhar as bordas, infelizmente, ele não consegue, mas tenta de uma maneira muito fofinha!

Além de adaptar os costumes felinos, Rex encontrou uma maneira peculiar de subir e de descer dos móveis, que você sabe, é outro hábito muito comum dos gatos. Cuidadosamente, Rex desce de costas, pata por pata até alcançar o chão. Muito habilidoso!

Os donos estão sempre por perto garantindo que ele não vá se machucar e, claro, capturando essas cenas encantadoras. Fora as limitações, Rex corre por toda a casa de maneira alegre e ágil. Afinal, ele continua sendo um gato.

Veja o vídeo:

Com mais de 106 mil seguidores no TikTok, Rex acumula muitos fãs que se sentem inspirados pela sua história.

“Rex pode arruinar minha vida e eu ficaria bem com isso, ele é tão precioso,” disse um internauta.
“Não quero ser dramática, mas eu morreria pelo Rex”, comentou outra.
“Rex, eu te amo tanto, quero dar-lhe tantos abraços”, são algumas das mensagens de amor enviadas ao Rex.

Além de mostrar aos donos de animais especiais como é possível levar uma vida normal, Rex ainda serve como inspiração para as pessoas, que mesmo com limitações, é possível ser feliz. Precisa de uma demonstração melhor?

Cuidados essenciais

Seja especial ou não, todos os gatinhos necessitam de cuidados específicos. Confira alguns deles:

Higiene

Você não precisa ensinar um gatinho onde fazer cocô nem xixi. Por instinto, ele irá direto para a caixa de areia e, depois, enterrará a sujeira. Nem por isso sua casa ficará livre de odores desagradáveis, portanto, é muito importante que você mantenha a caixa sempre limpa, caso contrário, ele fará as necessidades fora dela.

Alimentação

A ração deve ser específica para gatos e ficar sempre à disposição dele. Além disso, aquele pratinho de leite das histórias infantis pode ser dispensado. Até porque alguns gatos não digerem bem esse alimento e podem ficar com diarréia. Água, por sua vez, deve ser oferecida em abundância e em recipientes largos. Gatos odeiam encostar o bigode nas laterais da vasilha!

Vacinas

Como todo animal de estimação, o gato não deve perder as consultas periódicas ao veterinário, muito menos ficar com a vacinação em atraso.

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com