10 fatos relevantes sobre os cães da raça Samoieda

Por
em Dicas

Os Samoieda, ao lado dos Lulus da Pomerânia, foram escolhidos recentemente como os cães mais fofinhos do mundo.

Além da imponente beleza e pelagem brilhosa, eles são conhecidos por serem bastante amigáveis e companheiros, se apegando com facilidade à sua família humana.

Separamos uma lista do site Mental Floss com 10 curiosidades sobre os doguinhos da raça samoieda. Confira!

1. Advindos da Sibéria

Como o próprio nome sugere, esses cães serviam de companheiros para o povo Samoieda, que vivia na Sibéria. Os primeiros samoiedas puxavam trenós e eram cães de caça. Também eram muito úteis dentro de casa: amigáveis, ​​brincavam com as crianças e mantinham seus donos aquecidos dormindo com eles nos invernos rigorosos.

2. Exploradores viajaram com eles em suas expedições aos pólos

No século XIX, aventureiros adquiriram alguns desses cães para ajudá-los em expedições para os pólos Norte e Sul. O explorador norueguês Fridtjof Nansen foi um deles. Ele partiu em uma expedição ao Pólo Norte em 1893 ao lado de um samoieda resistente e bem treinado para tal tarefa.

Embora sua viagem não tenha sido bem-sucedida (ele não levou comida suficiente), os ‘sammies’ provaram ser excelentes cães de trenó.

O explorador inglês Robert Scott e o explorador norueguês Roald Amundsen também usaram os cães em suas expedições ao Pólo Sul. Scott tinha uma equipe de 33 cães; Amundsen tinha 52. Amundsen venceu Scott na corrida até o continente gelado, liderado por um Samoieda chamado Etah.

3. Geneticamente próximos aos lobos

O Samoieda pertence à raça spitz, o que significa que eles fazem parte de um grupo de cães intimamente relacionados aos lobos.

Essa semelhança genética também é compartilhada pelos Chow Chow, Akitas e Shiba Inus.

4. Eles cantam!

Possivelmente devido à proximidade genética com os lobos, a raça é conhecida por uivar.

Você pode fazer a maioria dos sammies cantar apenas tocando para eles alguma música ou começando a uivar você mesmo - os cães adoram se harmonizar.

5. Diga xis!

Como se o canto não fosse bonito o suficiente, esses cachorros também ‘sorriem’. Apelidado de “sorriso de Sammy”, os cães têm lábios que se curvam naturalmente para cima.

6. Odor quase inexistente

Ao contrário de certas raças caninas, os samoiedas possuem pouquíssimo odor, mesmo após vários dias sem tomar banho.

Ainda assim, escová-los com frequência é essencial para evitar que o pêlo deles fique emaranhado.

7. Roupas de pelo

Os samoiedas possuem uma camada de pelagem dupla e espessa. A parte inferior é macia e semelhante a lã, enquanto a parte superior é grossa e reta. Os cães perdem tanto pelo que muitos donos têm o hábito de recolher todo o excesso para fazer roupas.

O material é quente e forte (sem falar que não tem cheiro), o que o torna uma ótima alternativa à lã de ovelha.

8. Maneiras de pronunciar o nome

Em russo, pronuncia-se “Sã-mô-iêd”. Em inglês, “Sâ-mó-iê-di”. Tanto faz, de qualquer jeito tá certo.

9. Bastante sociáveis

Os samoiedas são animais de carga por natureza, então eles não se dão bem sozinhos. Esses cães, quando deixados sozinhos, podem causar estragos em casa devido ao tédio e à irritação.

10. Rainha nórdica adorava um sammie

Alexandra da Dinamarca era uma ávida defensora da raça e mantinha uma coleção deles no canil real. Como uma edição de 1903 da revista Country Life explica:

“… E a Rainha é distintamente uma entusiasta judiciosa de cães, que fornece para eles bem no canil sem ser mimada, e lhes dá atenção pessoal suficiente. Além disso, as fotos mostram que o Samoieda é igualmente fascinante quando filhote e um cão nobre quando adulto”.

Receba nossas notícias no WhatsApp!Entrar no grupo

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.