Americano se surpreende com a quantidade de cães que vivem nas ruas no Brasil (vídeo)

Por
em Notícias

O americano Marc viralizou no TikTok depois de descobrir a quantidade de cães que vivem nas ruas brasileiras.

Marc veio para o Brasil para conhecer a família da sua namorada Fernanda Gouveia, que vive em Iguaba Grande, Rio de Janeiro, e aproveitou a vinda para conhecer a Cidade Maravilhosa.

No vídeo, ele aparece acariciando um cão e dizendo que há muitos cães, em todas as partes, quando é avisado que se tratam de cães que vivem nas ruas.

Ele parece surpreso com a resposta e pergunta à Fernanda, que está filmando, que se ele quiser adotar o cão, pode levá-lo embora, recebendo uma resposta positiva.

“Eu quero esse cachorro! Eu posso ter esse cachorro?” diz ele.

Animado com a facilidade em adotar um cão no Brasil, o homem que revela nunca ter tido um cachorro, aparece no final do vídeo acompanhado de dois deles, os quais ele nomeou de Baunilha e Chocolate, que o seguiram por um bom trecho pelas ruas cariocas e depois foram embora.

Veja o vídeo:

O vídeo publicado em dezembro de 2020 fez o maior sucesso entre os internautas, especialmente pela sensibilidade do homem com os animais de rua. Até o momento a publicação alcançou 3,4 milhões de visualizações, 822 mil curtidas e mais 16 mil comentários. Que esse tipo de atitude se popularize, propague e seja replicada, né?

Adoção do Chocolate

Marc retornou para os Estados Unidos. Passado alguns dias da publicação do vídeo, caminhando com sua mãe em um calçadão no Rio perto de um bar, Fernanda reencontrou o cachorro Chocolate, que naquela região era conhecido como Negão. Elas então resgataram o cachorrinho, levaram no veterinário para exames e o adotaram.

Agora Chocolate possui uma família para chamar de sua e quatro irmãos pets sendo dois gatos e dois cachorros que estão se adaptando com a sua presença. A tensão rola solta pela casa enquanto os cinco não se enturmam.

Torcemos para que logo, logo os bichinhos da casa se acostumem com a presença de Chocolate.

Receba nossas notícias no Whastapp! Entrar no grupo

Jovem (mais na idade do que na postura), curiosa (quem, o quê, onde, como, quando e por quê), analítica (sempre em busca de respostas), e estudante de jornalismo. Com sede de conhecimento, tem calafrios de rotinas monótonas e repetitivas. É ainda, inconformada com mais do mesmo, buscando dessa forma, descobrir o seu lugar no mundo. Prazer, sou Ana Caroline Haubert, gaúcha lá de Passo Fundo. Sugestões, críticas, pautas e opiniões são bem-vindas no meu email: caroline_hauber@hotmail.com