Vira-lata caramelo foge e é encontrado tomando banho em chafariz de praça (vídeo)

Por
em Cães

O vira-lata caramelo Thor, chamou a atenção do arquiteto John Rodriguez na última terça feira, 8, enquanto o pet se banhava faceiro no chafariz da Praça da Xícara em Paranavaí, Paraná. E o momento ímpar não poderia deixar de ser registrado e compartilhado nas redes.

Alegria que contagia! Foi o que o cãozinho Thor transmitiu em um dia de brincadeira no chafariz localizado no centro da cidade. O peludinho radiante brincava na água, sem se intimidar com os 19ºC, e por sorte John passeava com o seu afilhado, Luiz Augusto, no local e capturou o momento.

"Ele veio correndo saltitante e alegre, já pulou na fonte e começou a tomar banho. Depois saiu e veio brincar com a gente. Eu achei que ele ia tomar só um banho, mas não, tomou uns quatro. Brincava com a água caindo, pulava para lá e para cá", explicou John ao Portal da Cidade Paranavaí.

O cachorrinho foi adotado há um ano no abrigo Grupo Apra pelo empresário Paulo Roberto Santana, e o homem não imaginava que o caramelo dava esse tipo de fugidinha. Foi descobrir em um vídeo postado na internet.

"Eu sempre via que quando ele desaparecia por um tempo, chegava todo molhado, mas eu achava que passava em algum lugar e o pessoal molhava. No fim, eu descobri que o Thor é conhecido no Centro de Paranavaí, que ele passa nos locais, toma água, pega a vasilha, joga pra cima e, ontem, eu descobri pelo vídeo que ele vai na Praça tomar banho", disse.

O cachorrinho é muito amado e paparicado pelo seu tutor. Thor possui sua própria poltrona, têm um cantinho no escritório do dono, vai no pet shop uma vez por semana e dorme na cama com ar condicionado. É muita folga!

Mas tudo isso não é o suficiente para mantê-lo em casa. O peludinho tem a necessidade de dar suas voltas pelo bairro. Já chegou a destruir três coleiras como protesto a permanência integral em casa e nem pensar em ficar preso, pois chora incansavelmente. Eu te entendo. Quem não ama a liberdade?

"De manhã ele dá uma fugida, quando as meninas [do escritório] chegam e abrem o portão eletrônico. Ele volta entre às 11h e 12h, perto do horário que chega a marmita. Peço uma para mim, outra para ele", disse.

Contudo essa liberdade quase teve um alto preço: o pequeno foi atropelado em uma de suas fugidas. Ainda bem que foi só um susto. Como vimos, o acidente não o intimidou de dar suas escapadinhas.

E sabemos até onde vai suas voltinhas. Por conta de suas andanças e carisma, o pessoal da cidade o conhece muito bem. Figurinha!

Confira o momento:

Vídeo: Cachorro pug sem pelos passa por transformação INCRÍVEL

Receba nossas notícias no WhatsApp!Entrar no grupo