Gatinha encontrada desnutrida se recupera com apoio de gato que fez amizade

Por
em Gatos

Voluntários encontraram uma gatinha só pele e osso e chorando sem parar vagando pelas ruas frias de Montreal, no Canadá.

Compadecidos, resgataram-na e buscaram um abrigo que a acolhesse, e o centro de resgate Chatons Orphelins Montréal foi quem se ofereceu para cuidá-la.

A pequena foi nomeada Ellie e foi levada para um lar temporário, para receber todo o amor e cuidado necessário para crescer bem e saudável.

Porém, manhosa, não gostava de ficar sozinha, exigindo entre um miado e outro uma companhia. Os voluntários - percebendo a insistência da pequena - encontraram a solução perfeita para ela.

Semanas antes da chegada de Ellie no centro, havia chegado o gatinho Maui junto da sua irmã. Seu estado de saúde tornou o seu crescimento demorado em comparação o da companheira, como resultado a mana foi adotada e ele ficou para trás.

Apesar de um mês e meio mais velho, ele era do tamanho de Ellie, então o abrigo decidiu uni-los. E foi a melhor escolha!

Foi amor à primeira vista, não demorou para que os dois se conectassem e se tornassem melhores amigos.

“Eles não são da mesma ninhada, mas se comportam como irmão e irmã”, disse o resgate ao Love Meow.

O gatinho laranja e a chamuscada vivem sempre juntos, quando não estão brincando, estão cochilando abraçadinhos. Um encanto!

"Eles ficam abraçados o tempo todo e fazem tudo juntos. Quando um deles vai tirar uma soneca, o outro vai fazer o mesmo, e eles vão começar a se acariciar".

O vínculo deles é tamanho que o pessoal nem imagina vê-los separados. Então eles buscam uma família que adote o dueto. E nós torcemos para que isso não demore a acontecer.

Veja também:

7 cachorros que provaram MANJAR da MALANDRAGEM