Leoa adora abraçar homem que a resgatou quando ainda era um filhote

Por
em Mundo Animal

O conservacionista Valentin Gruener resgatou uma leoa chamada Sirga, de nove anos, quando ainda era um filhote. Desde lá os dois se tornaram grandes amigos.

A enorme felina foi resgatada em 2012, quando estava doente e fora abandonada por sua própria mãe.

Com o passar do tempo, o convívio entre os dois criou um vínculo incrível de verdadeiros amigos.

Os dois caminham, lutam e até nadam juntos no Modisa Wildlife Project, localizado na reserva Grassland, em Botswana, onde mora com Valentin e sua parceira Sarah.

“Eu acho que Sirga pensa em mim como um melhor amigo. Ela adora me dar um grande abraço. Ela esfrega muito a cabeça na minha, como um gato doméstico”, contou Valentin ao Mail Online.
“Sirga nunca foi agressiva comigo, mas tenho um grande respeito pelo poder que ela tem. Tenho certeza de que ela sabe que sou muito diferente”, acrescentou.

A leoa nasceu depois que seus pais foram capturados e transferidos para um campo de reabilitação por matar gado.

O Modisa Wildlife Project foi co-fundado por Valentin e tem por objetivo conservar 7.500 hectares para o benefício da vida selvagem.

Além disso, Valentin também oferece acomodação para hóspedes que querem conhecer um pouco da mata africana.

“Sirga adora estar em seus 2.000 hectares junto comigo. A caça é sua atividade favorita, mas não tanto a parte da matança, mas sim de perseguir os animais silenciosamente e depois dar-lhes uma boa perseguição”, explicou o conservacionista.
“Ela também adora ficar de pé nas patas traseiras e me dar um grande abraço toda vez que a vejo. Sirga vaga por sua área e age como qualquer leão selvagem”, finaliza ele.

Confira o vídeo:

Uma jornalista quase formada de 21 anos, completamente apaixonada por futebol e animais. É daquelas pessoas que não podem ver um cachorro ou gato na rua que já quer fazer carinho... Do tipo curiosa, gosta de contar boas histórias e aquecer o coração de seus leitores. Um pouco indecisa para os títulos das matérias, confesso, mas dedicada ao ponto de procurar sempre escolher as melhores palavras. Prazer, sou Letícia Michele Schneider, atualmente moradora de Passo Fundo (RS), tenho o sonho de deixar o mundo um pouquinho melhor e quem sabe um dia estar à beira do gramado entrevistando os jogadores da dupla Grenal.