Gata grávida encontrada vagando em dia frio é resgata e dá à luz 5 filhotes

Por
em Gatos

Em março, uma gatinha grávida foi encontrada vagando sozinha pelas ruas de Cornwall, Ontário, Canadá.

O cidadão que a avistou, imediatamente pediu ajuda para a Tiny but Mighty Kitten Rescue, uma instituição beneficente em prol dos felinos, e a fundadora do local, Mellissa, não demorou a atender o chamado.

“Na época, tínhamos temperaturas extremamente baixas, muita neve e gelo no chão. Vi uma foto dela do lado de fora com sua barriga enorme e imediatamente disse 'sim'. Eu sabia que poderia fornecer um espaço seguro e quente para a gata e seus bebês", disse Melissa ao Love Meow.

No dia seguinte da notificação, Mellissa, junto de Jack, o voluntário que viu a gatinha, foram resgatar Missy, nome que deram a felina, em segurança.

"Ela estava naturalmente apavorada quando chegou aos meus cuidados. Tudo era novo e ela não tinha ideia do que estava acontecendo."

Melissa teve que ter muito amor e paciência nos primeiros dias, pois Missy tinha medo - acredito que por ter sido maltratada nas ruas -, mas conforme os dias passaram a confiança foi florescendo.

"Eu levei as coisas extremamente devagar e respeitei seus limites observando sua linguagem corporal. No quarto dia eu consegui acariciar suavemente sua cabeça, o que foi um grande passo para ela".

Passado mais alguns dias, a voluntária teve a grata surpresa de conhecer os filhotes. Ao entrar na sala em que a felina estava acomoda se deparou com a doce cena de dois bebês descansando confortavelmente ao lado da mamãe.

Passaram-se algumas horas e nasceram mais três. Pronto! O sexteto estava formado - a mãe e os seus cinco 'pimpolhos'.

"Fiquei extremamente aliviado que ela e seus recém-nascidos estivessem em um espaço seguro e quente. Nós a resgatamos com pouco tempo de sobra".

E não demorou para que a gatinha assumisse a responsabilidade de mãe, protegendo-os de todos, até mesmo de Melissa. Mas Missy, não demorou a perceber que sua salvadora, não estava ali para machucá-los e sim para ajudá-la.

“Ela gosta de ser escovada e também começou a brincar com brinquedos quando está dando uma pausa na amamentação de seus bebês”.

Os gatinhos já completaram três semanas de vida e estão crescendo fortes e saudáveis. Já a mamãe, logo logo será castrada para evitar uma nova ninhada.

Quando a família estiver pronta, estará disponível para adoção. E não tenho dúvidas que cada um deles encontrará um lar seguro e que transborde amor.

Assista também nosso vídeo:

A história da cachorrinha que reza pelo dono e mais no Jornalzinho Amo Meu Pet