Cão vira "fiscal de prova" em Instituto Federal e imagem viraliza: "Quem tiver dúvida, só levantar o petisco"

Por
em Cães

Gustavo Guedes é professor de informática do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e durante a aplicação de uma prova para os seus alunos obteve ajuda de um supervisor muito especial: um cãozinho.

O docente compartilhou o registro desse ajudante em um grupo do Facebook, destinado a conteúdo pet, na última quarta-feira, 29. Mas o fato aconteceu há cinco anos, no campus do IFSC de Chapecó, onde trabalhava na época.

Na imagem é possível observar que o cão de pelagem preta está sentado no colo de Gustavo, enquanto observa três alunos resolvendo a prova. E, mais, uma de suas patinhas está sobre a mesa como se estivesse colocando ordem no local. Acho que ele quis tomar o lugar do professor!

"Eu estava passando uma prova para os alunos do ensino médio/técnico… e me lembro que o cãozinho já estava na sala quando eu entrei", contou Gustavo ao Amo Meu Pet.

As alunas sentadas a frente entenderam à ordem e estão concentradas procurando respostas para as questões da prova, já o último aluno sentado no fundão, parece que não se intimidou com a cara do 'supervisor' e ficou o encarando. E dá para entender né, ele é muito fofo!

"Os alunos estavam fazendo carinho nele e me disseram que ele tinha entrado lá por conta própria", disse.

Gustavo compartilhou a foto com a seguinte legenda: 'Do dia em que eu fui passar prova pros meus alunos e esse doguinho resolveu entrar na sala e tomar o meu lugar'. Realmente, acho que esse cãozinho estava querendo o lugar do professor.

"Daí coloquei ele no colo e tirei aquela foto enquanto os alunos faziam a prova", lembrou.

A publicação recebeu mais de mil reações e dezenas de comentários cheios de graça, imaginando o que estava passando na cabeça do peludinho naquele momento. Veja e se divirta:

"Bom dia classe, comi a prova de vocês então tá todo mundo com 10, alguém trouxe uma bolinha pra brincar no intervalo?", imaginou uma.
"Pode deixar Gustavo, se eu pegar alguém colando eu vou fazer xixi na canela" , brincou outra.
"Quem tiver dúvida, só levantar o petisco que eu vou até a carteira", gracejou uma terceira.
"Se alguém estiver com alguma dúvida só chamar com voizinha de idiota que eu vou até a mesa ok”, fantasiou outra.
"“Bom dia, humanos. Hoje a aula é sobre como correr atrás das moto pra morder canela. Abram na página vinte e dez”.

O professor acredita que o cãozinho foi colocado para adoção, pois todos os cães sem donos que entravam no Instituto a secretaria de comunicação tirava fotos e colocava na página do campus pedindo para alguém adotar.

E você o que imagina que ele estava pensando nesse momento? Deixe nos comentários.

Veja também o NOVO vídeo do nosso Jornalzinho: