Idosa de 68 anos é condenada à prisão por causa de seus animais

Uma idosa foi condenada à prisão por “perturbação da tranquilidade” em Santa Rita do Passa Quatro, no interior paulista. De acordo com a sentença, ela terá que ficar 25 dias detenta.

A defesa da senhora pretende recorrer da decisão. O Ministério Público fez a denúncia por conta de uma reclamação de um casal de vizinhos. Eles afirmaram que o barulho de “quatro aves estava incomodando muito”.

Dona Dora, de 68 anos, vive em sua chácara no Jardim Europa há mais de duas décadas com seus galos.

De acordo com os vizinhos de Dora, as aves empoleiravam em uma árvore debaixo da janela do quarto deles e cantavam durante toda madrugada. Quando a reclamação virou ação judicial, em março do ano passado, eram quatro animais.

Agora são apenas três. Um deles morreu e os que ainda continuam com Dora não ficam mais no quintal durante a noite, garante o advogado Cesar Roberto Vaz Silveira.

Atualmente, os galos vivem presos em um cômodo dentro da casa que fica na parte da frente do terreno.

O advogado da idosa afirma que Dora subiu em um metro o muro que faz divisa com a propriedade dos reclamantes. Ele disse que irá recorrer da sentença no Colégio Recursal de Pirassununga (SP) e espera que sua cliente seja inocentada por unanimidade.

“Vamos recorrer de tudo. Ocorreu uma grande injustiça nesse processo e o Colégio Recursal vai reconhecer e absolver ela”, afirmou.

Os vizinhos reclamantes disseram que “os galos ficavam em uma árvore a três metros da janela do quarto onde dormem e cantavam durante toda a noite, prejudicando o sono”.

Paralelamente, Dora alega que “nunca foi procurada pelo casal e que soube da reclamação quando foi notificada pela Justiça.”

Várias reuniões de conciliação foram convocadas, sem sucesso.

O promotor de Justiça Elio Daldegan Júnior afirma que a situação virou caso de Justiça porque se enquadra em perturbação de tranquilidade, que é um delito criminal, e porque Dora não quis fazer um acordo.

Fonte: >G1

Compartilhe o post com seus amigos!

Gabriel Pietro

Gabriel Pietro têm 20 anos, é redator e freelancer. Fundou o Projeto Acervo Ciência em 2016, com o objetivo de levar astronomia, filosofia e ciência em geral ao público. Em dois anos, o projeto alcançou milhões de internautas e acumulou 400 mil seguidores no Facebook. Como redator, escreveu para vários sites, como o Sociologia Líquida e o Segredos do Mundo. Ainda não sabe se é de humanas ou exatas, Marvel ou DC, liberal ou social-democrata. Ama cinema, política, ciência, economia e música (indie). Ainda tentando descobrir seu lugar no mundo.

Comentários