Rubble, o gato mais velho do mundo completou 30 anos

Na cidade de Exeter, na Inglaterra, existe um bichano muito resistente de nome Rubble, ou “Entulho” em português, que completou três décadas no ano passado.

Ele nasceu em maio do ano de 1988 e foi adotado por Michele Foster em seu aniversário de 20 anos.

Quando Michele residia sozinha em Londres resolveu arrumar a companhia felina pois se mudava de cidade constantemente.

Com 50 anos de idade Michele acompanhou a comemoração do 30º aniversário de seu gatinho Rubble, que quase dobra a idade média de existência de um gato comum.

Mesmo que ele esteja sendo nomeado como o gato mais velho do mundo, Rubble ainda precisa perdurar por mais 8 anos para conseguir o recorde de Creme Puff, o qual viveu de agosto de 1967 até agosto do ano de 2005.

Michele não concorda muito com todos os holofotes voltados para seu gato quando o assunto é Guiness Book porque ela diz não ter certeza de que Rubble iria gostar de muitas pessoas em torno dele, uma vez que está velho e não aprecia nenhum incômodo ou exagero de atenção voltada a ele.

Infelizmente o gatinho sofre de pressão alta devido a idade avançada, tendo que fazer uso de medicação constante.

Michele nunca quis ter filhos, contudo, acredita que a longa vida de Rubble se atribui a todo cuidado que ela sempre teve com ele.

Rubble tinha uma irmãzinha postiça que também viveu bastante, por 25 anos segundo Michele relatou.

No ano de 2017 um gato de nome Nutmeg, em português “Noz-moscada” faleceu pouco tempo antes de completar 32 anos.

Iris Francoso

Comunicadora com habilitação em Publicidade e Propaganda, acredita que a informação é essencial para ampliar a nossa visão de mundo. 
Atua como redatora freelancer e tem 25 anos de pura curiosidade. 
Amante da natureza e dos animais, segue em busca do equilíbrio e evolução constante.

Comentários